Webinar: o que é, por que criar um e como fazer?

Webinar_HeroSpark (2)
Webinar_HeroSpark (2)

No universo do marketing digital, existem diversas técnicas para atrair e converter mais leads. No entanto, dificilmente alguma delas terá um custo-benefício melhor que um webinar. 

Afinal, além de atrair, gerar e qualificar muitos leads para uma base, eles são baratos e fáceis de produzir. Portanto, se você deseja escalar o seu negócio digital e, consequentemente, fazer mais vendas, essa ferramenta não pode estar fora do seu radar! 

E então, quer conhecer mais sobre webinar, o que é e aprender tudo sobre essa estratégia de vídeo ao vivo? Leia este artigo até o final, porque também vamos apresentar uma ferramenta para facilitar a hospedagem e divulgação do seu webinar. Boa leitura!

Webinar: o que é?

O termo “webinar” vem de web based seminar, ou seja, é um seminário realizado pela internet. Nesse sentido, essa é uma videoconferência online realizada com a intenção de educar um público-alvo sobre determinado tema.

Esses seminários podem ser em forma de vídeo ao vivo ou gravados e disponibilizados em um horário marcado. Além disso, podem ter um teor empresarial ou educacional, dependendo da proposta de cada instituição.

Muitas empresas e empreendedores utilizam esse formato de distribuição visando um contato mais próximo com possíveis clientes – os chamados leads, seja de modo a atrair novos ou avançar os já existentes no funil de vendas.

 

Qual é a diferença entre webinar e live?

As lives são de curta a média duração e podem acontecer em redes sociais como YouTube, Facebook e Instagram. Já o webinar é um seminário que, geralmente, acontece em plataformas. No entanto, dependendo da estratégia, ele pode ser realizado no YouTube também.

Além disso, a duração do webinar é maior, já que trata-se de um seminário online. Portanto, ele oferece a possibilidade de aprofundar mais o conteúdo e, assim, atrair uma audiência mais focada em conhecimento.

 

Por que criar um webinar?

Antes de conhecer o webinar, o que é e como fazer o seu, é importante saber os motivos e benefícios de adotar essa estratégia para o seu negócio. Entre eles estão:

 

Formato com mais engajamento

Atualmente, os vídeos convertem muito mais nas redes sociais. O próprio Instagram, que cresceu sendo uma rede social de imagens, anunciou que está dando prioridade para vídeos. Portanto, o webinar é uma oportunidade de aumentar o engajamento com os leads. 

 

Reforça a imagem da sua marca

O seminário online também permite interagir em tempo real com a audiência. Não por acaso, ele pode ser usado como uma estratégia de marketing de relacionamento.

A partir disso, ele permite que você construa a imagem da sua empresa e a posicione-a como uma autoridade em seu segmento.

 

Versatilidade

As finalidades de um webinário são múltiplas. Você pode, por exemplo, utilizá-lo para:

  • Gerar leads;
  • Avançar leads no funil de vendas;
  • Converter leads em clientes;
  • Entre outras ações.

 

Quais são os principais formatos de webinar?

Agora que você já tem mais informações sobre webinar, o que é e quais são os seus benefícios, saiba que é possível apostar em diferentes formatos, de acordo com a sua estratégia. Confira alguns deles!

 

Entrevista com convidado

Neste formato, você convida alguém para participar do seu webinar junto com você. Funciona de maneira parecida aos programas de TV, e pode ser dividido em blocos de conteúdos para o seu público. É uma boa aposta para temas mais específicos.

 

Painel com especialistas

O painel é um formato em que você pode chamar dois ou mais especialistas para o seu webinar, a depender do assunto que você vai abordar. O que o difere da entrevista é que, no painel, o webinar é totalmente focado nos especialistas.

 

Summit com uma cúpula de especialistas

Apesar de ser um formato mais complexo de se organizar, já que exige uma estrutura e logística para acontecer, esse tipo de webinar contribui com a construção da sua autoridade digital. Assim, você consegue atrair leads mais qualificados.

 

Apresentação de produtos e/ou demonstração de serviços

Como o próprio nome diz, o formato de apresentar sua solução em um webinar é uma forma de mostrar os benefícios que o seu produto tem para a sua audiência. É uma boa estratégia para atrair aqueles leads que estão na etapa de meio e fundo de funil.

 

Perguntas e respostas

Diferente das entrevistas, esse tipo de webinar é mais objetivo e funciona assim: o apresentador recebe as dúvidas do público (ao vivo ou previamente por e-mail), e essas perguntas são respondidas por algum especialista do tema durante o webinar.

 

Como fazer um webinar de sucesso em 6 passos?

 

1. Defina a persona e o tema do seu webinar

O primeiro passo é definir a persona do seu negócio digital, ou seja, saber quem é o público-alvo e ter em mente uma representação dele. A partir daí, você pode escolher o tema do webinar. 

Quanto ao tema, algumas dicas:

  • Observe os interesses do público-alvo e veja quais assuntos geram engajamento;
  • Se atualize sobre as potenciais dúvidas e curiosidades sobre os seus serviços;
  • Use planejadores de palavras-chave para entender quais são os temas quentes dentro do seu nicho.

 

2. Escolha o melhor dia e horário 

A definição da melhor data e horário depende muito de cada nicho e do tema do webinar, mas as dicas gerais são as seguintes: 

  • Segunda e sexta-feira costumam ser ruins, porque as pessoas ainda estão organizando a semana, ou já estão com a cabeça no fim de semana (o famoso #sextou).
  • Evite eventos pela manhã, já que muitas empresas marcam reuniões nesse horário, o que pode diminuir o alcance do vídeo.

O mais importante é que a data e hora estejam relacionados com o tema do webinar. Por exemplo: se for algum tema relacionado a trabalho, as pessoas assistem durante o expediente, mas se o assunto foge dessa esfera, elas preferem assistir em outros horários. 

Portanto, se for algum assunto profissional, o horário das 13h às 18h pode ser interessante. Quando for outro tema, 12h ou 19h podem ser usados.

Além disso, vale analisar mais a fundo a intenção do webinar. Por exemplo: se for uma transmissão ao vivo para vender um produto, pode ser mais interessante fazer no início do mês, quando as pessoas tendem a ter mais dinheiro. 

Imagem de oferta Mentoria Impulso Digital.

 

3. Planeje o evento

Depois destas primeiras definições, é hora de colocar no papel como será o seu evento online. A partir daí, você poderá criar o roteiro e avançar para os momentos decisivos.

É importante definir:

  • Qual será o tempo de duração; 
  • Qual será o formato e quem serão os convidados, se houver; 
  • Se haverá alguma oferta de produto ou outro tipo de chamada para ação ao final;
  • Quais serão os conteúdos de apoio para divulgação;
  • Como serão feitos os convites para convidados e para a audiência.

Não existem regras, ou algum tipo que seja melhor do que o outro. As escolhas dependem dos objetivos do webinar, o que é determinante para guiar seu planejamento. 

Além desses tópicos, você também precisa criar previamente os materiais de apoio, como campanhas de e-mail, landing pages, páginas de webinar no YouTube e por aí vai. 

 

4. Crie o roteiro

O roteiro conduz a conversa com os convidados ou com a audiência. Na verdade, é importante mesmo que você faça um monólogo. Ele distribui melhor o tempo das falas e entrega a mensagem com mais qualidade e objetividade. 

Existem vários tipos de roteiros disponíveis, como:

  • Texto corrido;
  • Texto dividido em colunas e blocos de acordo com o formato do webinar;
  • Texto em tópicos com os principais pontos que permite improvisar a mensagem. 

A principal função do roteiro é direcionar o foco. Portanto, escreva tudo o que é importante falar para não esquecer de comentar nenhum tópico. 

Uma boa dica é deixar o roteiro aberto por trás das câmeras para poder ler ou dar uma olhadinha enquanto apresenta. 

Depois de criar o roteiro, você também pode transformá-lo em algum material de apoio, como apresentações em slides. 

 

5. Escolha uma plataforma

A plataforma é o lugar onde a transmissão será feita. De preferência, ela deve ser incorporada ao seu site. Assim, você consegue diminuir as distrações para a audiência e aumentar o engajamento no seu seminário online.

Sabe quando você está no YouTube e começa a navegar pelos relacionados antes mesmo de o vídeo que você está vendo terminar? Isso pode acontecer com o seu webinar. Mas você não quer que alguém saia do seu vídeo para ver um vídeo de banheira de Nutella, né?

Para evitar isso, uma boa opção é usar uma landing page para hospedar sua transmissão. 

No entanto, caso queira mais agilidade, você pode correr o risco e hospedar o seu webinar em sites como YouTube, Twitch ou Instagram. 

 

6. Divulgue o evento

Observe em quais canais a sua persona está e crie ações em cada um deles. 

Por exemplo: aqui, na HeroSpark, sabemos que o público responde bem às campanhas de e-mail marketing. Logo, quando queremos divulgar um webinar, esse é um dos nossos carros-chefes e uma ótima estratégia de marketing digital.

Além disso, é importante nunca concentrar a divulgação em um único canal. No nosso caso, também fazemos campanhas em redes sociais, principalmente no Instagram e no YouTube. 

Portanto, experimente usar vídeos curtos, cards, imagens e outros meios desejados nas redes sociais para chamar o máximo de pessoas possíveis para assistir o evento. Aposte também em enviar um e-mail para reforçar o convite.

Não se esqueça de sempre direcionar essa divulgação para sua landing page, a fim de que a geração de leads se intensifique. 

O uso de CTA (call to action) também pode ser usado e instruído para uso por parte dos outros participantes e convidados do webinar. Essa chamada visual ou textual deve instigar o público-alvo a:

  • Compartilhar o convite nas redes;
  • Acessar a página de inscrição;
  • Clicar em um link para entender melhor sobre o assunto que será trabalhado;
  • Entre outras ações. 

O formato pode variar de acordo com a sua persona, mas é essencial que haja divulgação até os últimos instantes antes do webinar dar início.

 

Dicas práticas para o seu webinar

Agora que você passou por todas as etapas anteriores, chegou o grande dia! Por isso, confira um pequeno checklist do que é necessário fazer antes, durante e depois:

 

Antes do evento

  • Prepare as apresentações e revise o roteiro;
  • Envie lembretes para os inscritos;
  • Atente-se à iluminação e, principalmente, à qualidade do microfone;
  • Siga o roteiro elaborado antes do webinar;
  • Tenha alguém para te ajudar e monitorar fatores externos, como comentários ou problemas no microfone.

 

Durante o evento

  • Inicie na hora marcada. Evite os atrasos ao máximo. Inclusive, chegue um pouco antes do horário marcado para ter tempo de testar tudo com calma;
  • Envie e-mails para os leads no dia do evento, pelo menos 1 hora antes de o webinar começar;
  • Interaja com os participantes. Promova questionamentos e interações via chat ao longo do evento;
  • Separe alguns minutos do webinar apenas para responder às mensagens do chat;
  • Agradeça aos participantes pela atenção e relembre informações importantes;
  • Aproveite para divulgar suas redes sociais, serviços, produtos, ou qualquer outra informação útil. Uma boa dica é fazer ao início e ao final. 

 

Depois do evento

  • Envie para todos os seus inscritos. Assim, quem não pôde assistir ao vivo, também consegue acompanhar o seu conteúdo; 
  • Faça pesquisas com a audiência para entender o que funcionou e o que ainda pode melhorar;
  • Transforme seu webinar em outros conteúdos, como posts de blog, podcasts, infográficos, apresentação de slides, posts de redes sociais, entre outros. 

 

[BÔNUS] Qual é a melhor ferramenta para webinar?

Se você leu até aqui, percebeu que criar um evento assim dá trabalho: precisa criar landing page, desenvolver fluxos de e-mail, escolher uma plataforma…Mas lembra daquela ferramenta que falamos no início deste artigo?

Então, a HeroSpark é uma ferramenta capaz de fazer tudo isso em um único lugar! É possível usá-la do começo ao fim do seu webinar, inclusive, ela é facilmente integrada com o YouTube

E, acima de tudo: o usuário consegue fazer todas essas atividades sem a necessidade de contratar programadores, designers ou uma agência de marketing.

Além do mais, é possível obter métricas e indicadores de resultado ao final dos processos. Esses dados possibilitam observar a melhor forma de melhorar seus resultados e trabalhar ainda mais o potencial de seu conteúdo.

“Nossa, mas deve demorar uma eternidade para fazer tudo isso…”

Por meio da HeroSpark você cria landing pages, e-mails e fluxos em menos de 20 minutos. 

“Isso está bom demais para ser verdade, deve custar uma fortuna…”

Errou de novo, caro leitor! A HeroSpark possui uma versão completamente gratuita, 100% de graça, 0800, grátis. É verdade! Clique neste link e registre-se para começar agora a crescer o seu negócio digital com uma plataforma completa!

Banner escola de psicanálise
1 comment
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.