Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade !

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


Como gerar tráfego para o seu produto digital?

media social para trafego

Um dos maiores desafios de todo empreendedor iniciante é descobrir como gerar tráfego para o seu produto digital. O tráfego é muito importante, pois é ele quem trará leads e futuros clientes para o seu negócio.

 

Se você quer que a sua empresa cresça e alcance novos níveis, você precisa de tráfego. Ele é um dos melhores pilares para se vender muito, tendo em vista que ele é um dos responsável pela aquisição de novos clientes. Logo, sem dúvidas, é a melhor estratégia que sua empresa pode usar.

 

Independente do que for agora, seja você um produtor ou afiliado, você precisa de tráfego.

 

Imagine que você tem um site onde você vende algum produto e precisa ter, pelo menos, 100 pessoas para conseguir vendê-lo. Para você fazer 10 vendas, precisa de mil pessoas por dia. Então, a conta aqui é bem simples, essas mil pessoas são o tráfego que você tem que gerar para o seu site. 

Maneiras de como gerar tráfego

 

Quanto mais tráfego, mais vendas. Esse tráfego pode ser obtido de 2 formas:

 

A primeira dela é pagando, ou seja, investindo em anúncios pagos para receber tráfego e trazer as pessoas ao seu site. A segunda maneira é de forma orgânica, que seria o tráfego gratuito. 

 

O tráfego gratuito, ou trafego orgânico, é o melhor que você pode ter no seu negócio. Não só porque você não precisa pagar para conseguir, mas também porque as pessoas que chegam organicamente são pessoas, de fato, interessadas em suas soluções.

 

Diferentemente de um anúncio, que geralmente as pessoas são redirecionadas sem querer, por clicar errado ou, até mesmo, porque são persuadidas por um texto ou frase lúdica.  O tráfego gratuito tem o poder de trazer pessoas mais qualificadas que sejam compradores em potencial para o seu negócio. 

 

Mas para você gerar tráfego gratuito é importante saber que é um pouco mais difícil de se conseguir isso, porque o processo tende a demorar um pouco mais. 

 

O trafego orgânico exige mais consistência e um pouco mais de trabalho, você não precisa investir dinheiro em si  – a não ser que você contrate alguém – mas você vai ter que trabalhar um pouco mais. 

 

Como gerar tráfego – Alguns exemplos de tráfego gratuito 

 

Podemos citar como alguns exemplos de como gerar tráfego:

  1. Manter um blog com conteúdo de qualidade;
  2. Trabalhar na otimização desse conteúdo para que sejam encontrados nos mecanismos de busca;
  3.  Gravar vídeos e postar no YouTube;
  4.  Interagir nas redes sociais, principalmente no Instagram e Facebook, onde se concentram um maior número de pessoas;
  5.  Criar vários tipos de conteúdos e fazer a distribuição em várias mídias online.  

Como você mesmo pode ver, existem várias formas de gerar esse tráfego gratuito, mas como já dito, é mais trabalhoso e demanda um pouco mais de tempo e esforço para que você consiga uma quantidade significativa de pessoas atraídas pelo seu produto digital. 

 

Já o trafego pago é mais rápido, principalmente pra quem está começando. 

 

Se você souber fazer uma boa oferta e souber administrar, você vai ter resultados bem mais rápidos com o tráfego pago. Você coloca dinheiro hoje, amanhã você já pode ter um resultado. 

 

Falamos que o tráfego gratuito é melhor, porém o tráfego pago também pode ser um ótimo investimento, inclusive por que você consegue segmentar e atingir seu público muito bem. Você consegue segmentar para quem você quer mostrar um anúncio e trazer aquelas pessoas que você realmente quer que acessem o seu site. 

 

As três principais fontes que iremos listar de tráfego pago, são: 

 

  • Facebook ADS;
  • NativeADS;
  • Google Adwords.

 

Como gerar tráfego – Estratégias 

 

 

Primeiramente, o que você tem que fazer para gerar tráfego é trazer pessoas novas para o seu negócio ou suas ofertas de afiliado. Para isso é recomendado que se use o Facebook ADS ou Native ADS. 

 

Se possível, ter o Facebook como foco, por que você consegue segmentar muito bem o público que você quer ter. Digamos que você queira que o público-alvo do seu site sejam homens de 22 a 35 anos que curtem conteúdos como Tinder e Par perfeito. 

 

De antemão, se você vende alguma coisa de como arrumar uma namorado ou namorado, o seu público é específico, então você vai converter esse público pagando por ele, para estar trazendo realmente quem tem interesse pelo seu produto. 

 

Quando você não souber muito bem o público que você quer atingir, crie um anuncio aberto do Facebook ADS e ele te dirá qual público está convertendo mais através daquele anúncio. Dessa forma você descobrirá qual é o seu publico. 

 

Já com as redes de Native ADS, ainda não é possível segmentar tanto o público, mas elas são bem mais baratas.  

 

Se você fizer anúncio bem feito com uma boa imagem, só vai clicar no seu anúncio quem tiver o mínimo de interesse, então por elas serem mais baratas o clique acaba compensando mais. 

 

Como gerar tráfego – Remarketing

 

O Google Adwords é uma excelente opção para fazer remarketing. O Google é muito completo e tem várias formas de anúncios. Tem anúncios na busca, no YouTube e no display. 

 

Se você acessa um aplicativo ou um site direcionado a um assunto e logo depois sai do site e vai pra outro, você vai começar a notar banners sobre o assunto que você estava procurando em outros lugares, outros sites. 

 

Em síntese, isso é remarketing. É como se o anúncio estivesse te perseguindo pra te induzir a compra. remarketing funciona tão bem por quatro motivos: 

1. Prova social

Se a pessoa entrou no seu site e saiu, ela passará a ver seus anúncios em outros lugares. Isso vai fazê-la pensar “Nossa, esse anuncio é importante mesmo”. 

2. Conteúdo contínuo com seu produto

Alguns estudos afirmam que uma pessoa precisa ver de 7 a 14 vezes algum produto antes de comprar. 

remarketing faz isso pra você. 

3. Alta frequência

Segundo alguns estudos, quanto mais você vê alguma coisa, mais tende a gostar e se familiarizar com aquilo. remarketing ajuda nisso também. Isso vai induzir o cliente a pensar “o conteúdo parece legal, vou clicar”. 

 

Claro, o remarketing é um anúncio que você precisa pagar pra rodar uma campanha sua, mas é um anúncio muito segmentado e uma ótima opção para gerar tráfego no seu negócio, porque só quem vai ver o seu anúncio é quem já acessou o seu site.  Então acaba direcionando a um público mais específico, alguém que já teve interesse antes. 

4. Atinge clientes com potencial

Diante disso, tendo um público mais segmentado e específico, você passará atingir clientes com potencial de compra. Uma dica é “excluir” quem já é cliente, com “excluir” você entenda como fazer ofertas diferentes.

 

Nessas plataformas você consegue fazer isso na segmentação dos anúncios, dessa forma você não estará atraindo pessoas repetidas e que já compraram seu produto, afinal, você quer alcançar pessoas novas. 

 

Basicamente são dois meios que você tem para gerar tráfego: tráfego pago e trafego gratuito. O importante é você decidir qual é o melhor para você naquele momento, sendo que gerar tráfego gratuito é uma ótima opção.

 

Podemos dizer isso com total certeza porque você não vai pagar e, ainda assim, as pessoas vão vir com uma intenção muito grande de consumir aquilo que você tem pra oferecer, mas ele demora um pouco mais para conseguir conquistar uma quantidade significativa de tráfego através de estratégias gratuitas. 

 

Já com o tráfego pago, você vai precisar investir dinheiro, mas acaba alcançando um maior número de vendas porque absorve um público mais segmentado. 

 

Conclusão 

 

O desejo de ser um empreendedor é, sem dúvidas, o primeiro passo para fazer o seu negócio crescer e ganhar cada vez mais novos clientes. Para que isso se torne possível, o produto precisa ser reconhecido e alcançar novas pessoas que talvez possam se tornar consumidores no futuro e você vai conseguir isso ao gerar tráfego.

 

Um dos pilares dessa conexão entre produtor e consumidor é o tráfego. Então independe do qual irá utilizar, o gratuito ou o orgânico, empenhe-se nisso. O tráfego é uma ótima opção para fazer com que cada vez mais pessoas cheguem a conhecer o seu produto.

 

Você está investindo em programas e sites para que eles mostrem o seu conteúdo aos cliente, então ainda que escolha o trafego pago, vale muito a pena investir na geração de tráfego, pois é algo que com certeza irá te dar retorno.

 

Quando acontecer o lançamento de um produto na sua empresa, ou qualquer tipo de conteúdo exclusivo, seja uma promoção ou apenas um conhecimento que você estiver passando sobre determinado assunto, você poderá gerar tráfego.

 

Dessa forma você estará conseguindo visibilidade, ampliando sua taxa de conversão e melhorando sua reputação, que convenhamos, por si só já dão resultados incríveis.

 

Caso tenha ficado alguma dúvida, basta deixar um comentário aqui embaixo!

 

 

 

Mais artigos para você

O que é lead?

Leads são pessoas que, de certa forma, demonstraram algum tipo de interesse por um produto, serviço ou marca.   Pessoas …

O que é marketing?

Segundo a definição do dicionário, marketing é uma “estratégia empresarial de otimização de lucros por meio da adequação da produção …

Como fazer uma captação de leads de graça para o seu 6 em 7?

A captação de leads é uma forma ética e eficiente de conseguir dados das pessoas interessadas no seu negócio, o …

Como criar, lançar e vender um ebook incrível

Qual foi a última vez que você leu um ebook? Em tempos de transformação digital, mesmo os livros físicos têm …

Ferramentas para webinar – 5 dicas de gratuitas e pagas

Nos últimos anos a demanda por ferramentas para webinar vem crescendo muito. Essas ferramentas são aplicativos de vídeo conferência para …

Webinar como funciona e como criar o seu

A origem do termo “webinar” vem da junção de dois outros termos em inglês que são: Web e Seminar, que …