empreender com a herospark

As empresas que utilizam conteúdo perene como estratégia no marketing digital tendem a manter um crescimento exponencial no tráfego orgânico dos sites.

Há diversas maneiras de manter o conteúdo perene, ou evergreen (sempre verde) em blogs, sites e outras plataformas digitais voltadas para a divulgação de uma marca, um produto ou um serviço.

No entanto, essa estratégia precisa ser empregada de maneira adequada, para que os materiais possam ser utilizados em linking building e SEO (Search Engine Optimization), ou otimização do motor de busca, empregando palavras-chave que remetem aos conteúdos perenes. 

 

A aplicação do conteúdo perene

O segredo desse tipo de conteúdo está em não se desatualizar ao longo do tempo. Para isso, a estratégia pode ser aplicada em diferentes situações, nos mais variados formatos, entre os quais:

  • Artigos e textos;
  • Manuais de instrução;
  • Receitas culinárias.
  • Vídeo informativos.

Mais ainda, é importante que esse conteúdo seja relevante para os usuários da internet, independentemente do ciclo de notícias ou da sazonalidade em que se encontra. 

Sendo assim, é preciso entender que essa estratégia está intimamente relacionada ao marketing de  conteúdo de qualquer empresa que queira se destacar entre o público-alvo e se sobressair perante a concorrência. 

Se uma pessoa faz uma pesquisa sobre perder peso em uma plataforma digital de busca, é evidente que muitos textos podem ser relevantes. 

Entretanto, é com a aplicação de SEO bem elaborado que o conteúdo perene se torna essencial, visto que mesmo tendo sido publicado há algum tempo, ele se mantém importante e atual para esse perfil de usuário.

Com isso, fica mais fácil ser identificado pelos algoritmos utilizados nas plataformas digitais, assim como conquistar a devida autoridade sobre determinado assunto. 

 

Aumento de tráfego com uso de conteúdo perene

O interesse por determinado assunto pode ser relevante por um determinado tempo, promovendo aumento de tráfego em um site, porém sem a característica de ser perene. 

Veja como exemplo as eleições nacionais, que possuem um elemento considerável de assunto nos meses que antecedem o pleito, e continuam até a definição dos resultados. 

Isso pode elevar o tráfego, ficando conhecido no marketing digital como “pico de esperança”, em que a popularidade de um portal específico vai às alturas. 

No entanto, com o passar do tempo, isso se esvai, e se torna sazonal, ao menos até a próxima eleição.

Dessa forma, é preciso empregar o conteúdo perene e aproveitar essa popularidade e manter os números do tráfego em alta de forma orgânica e regular sempre. 

Tudo isso com menos trabalho, poucas alterações ou atualizações (mas que devem ser feitas sempre que necessário) e economia de tempo. 

 

Dicas preciosas que precisam ser compartilhadas

Quando chega o momento em que uma empresa precisa se destacar perante o mercado consumidor, seja para a apresentação de um novo produto ou serviço, ou mesmo o reposicionamento da marca, o conteúdo perene se torna totalmente relevante. 

A seguir serão apresentadas 10 dicas que podem ser aplicadas conforme o foco de cada empresa, e de acordo com as características da empresa junto à presença de marketing digital. 

 

1. Encontre palavras-chave que tenham volume

Toda empresa possui um planejamento de negócios que facilita a identificação do público-alvo. 

Qualquer que seja o nicho, há palavras-chave que podem ser fundamentais para se destacar junto aos consumidores.

Isso deve ser colocado em prática continuamente, dentro do conteúdo perene, para que se torne relevante em uma pesquisa específica e ser identificada pelo algoritmo presente nas plataformas digitais, além de atrair os usuários após esse posicionamento.

A prática de SEO é permanente, e deve ser incluída não só em artigos e textos, mas também em imagens, vídeos e arquivos de áudio, quando possível. 

 

2. Verifique a tendência positiva

Há ferramentas digitais que podem ser utilizadas para verificar se as palavras-chave utilizadas estão presentes com volume de pesquisa.

Dessa forma, fica mais fácil identificar se um conteúdo é perene, se apresenta tendência de queda ou é sazonal.

Alguns tópicos tendem a manter a tendência positiva ao longo do ano, mesmo com a sazonalidade apresentada por festas regionais, como carnaval e festa junina, por exemplo, ou celebrações de caráter mundial, como Natal e festividades de Ano Novo.

De qualquer maneira, é importante identificar o que é relevante para o público-alvo, e como isso pode ser utilizado dentro de conteúdos perenes. 

 

3. Atente para intenção de pesquisa consistente

Muitas vezes, uma palavra-chave empregada em um conteúdo perene pode ter uma alteração significativa, por diferentes motivos. 

Isso compreende uma volatilidade classificatória que pode ser prejudicial quanto à classificação dos algoritmos empreendidos pelas plataformas de busca. 

Por esse motivo, o ideal é rever o material produzido e atualizar, ou mesmo reciclar partes dele, para que a relevância venha à tona, mantendo a característica de conteúdo perene junto ao público-alvo. 

Dessa forma, a classificação não é prejudicada e a autoridade sobre o assunto se mantém em alta, inclusive podendo aumentar devido a recorrente busca por esse tmaterial.

 

4. Crie conteúdo de alta qualidade

A atemporalidade deve ser uma prioridade quando se trata de conteúdo perene. Porém, é preciso que as informações prestadas ao público sejam de qualidade, com grau elevado de satisfação quanto aos problemas propostos, principalmente quando se trata de leads.

Vale ressaltar neste ponto que os leads são os potenciais clientes de uma empresa, o conteúdo perene pode ser definitivo para a escolha final dentro de uma jornada de compra, sem colocar em dúvida sobre a qualidade de um produto ou serviço frente aos novos usuários de forma contínua.

Um artigo publicado deve ter validade para o agora, para o ontem e para todo o sempre. Mesmo que seja necessário revisá-lo de maneira periódica. 

 

5. Evite tópicos de vida curta

O conteúdo perene deve fazer sentido a todo instante, por qualquer tipo de leitor ou espectador. 

Dessa forma, é imprescindível evitar tópicos e assuntos que possuem vida curta, independentemente da popularidade que um artista se mostra ou o sucesso que um filme ou programa de TV apresenta, por exemplo.

Sendo assim, o conteúdo perene precisa conter informações relevantes e que tenham significado interessante, sem recorrer a temas que possam fazer um engajamento por um determinado período, mas perder todo o significado um tempo depois. 

 

6. Utilize uma data que seja informativa

Advérbio de tempo como ontem, hoje ou amanhã datam um material que pode ser muito rico e interessante para o público em geral. 

Por isso, eles devem ser evitados ao máximo, e no lugar serem substituídos por datas significativas, como o dia, mês e ano de lançamento. Ou então estar associado a um evento histórico, que seja marcado por toda a importância e eficiência quanto a temporalidade.

Vale lembrar que o conteúdo perene tem como objetivo manter o tráfego em longo prazo, podendo ser visualizado para todo o sempre. Não apenas ontem, e nem mesmo amanhã. Sempre. 

 

7. Atualize o conteúdo quando necessário 

Pode ser que um conteúdo perene tenha dados atualizados e que fazem todo o sentido no momento em que é produzido. 

Por isso é preciso que esse material seja revisto de tempos em tempos, para manter ele sempre “verde”, como deve ser, trazendo dados mais atualizados.

Aliás, quando se realiza a atualização de um material de conteúdo perene, ele deve ser divulgado de forma clara e explícita para o público, inclusive com destaque para o que foi alterado, para evitar qualquer problema quanto a fraude ou enganação. 

Assim, a informação também pode ser disponibilizada no próprio conteúdo, como no início de uma notícia.

 

8. Faça uso do linking building externo

As redes sociais são campo rico para a divulgação de conteúdo perene, pois o público está sempre se renovando e buscando informações nas páginas oficiais de empresas. 

O anúncio por meio do Twitter Ads pode levar ao conteúdo perene da empresa, apresentando a marca para novos leads de forma constante. 

O linking building aplicado é eficiente e atrativo, como deve ser. Contudo, nesse caso, o material pode ser replicado e atualizado, mesmo em forma de uma nova postagem.

 

9. Empregue imagens que podem ser identificadas

A comunicação visual também faz parte do conteúdo perene. Afinal, um quadro renascentista ou uma obra de um pintor famoso sempre pode ser destaque na aba de buscas de uma plataforma digital, por exemplo. 

Sendo assim, o SEO deve ser aplicado no formato em que o arquivo é salvo, dentro de um material que possui conteúdo perene. Isso atrai leads e quem mais se mostrar interessado em conhecer o que uma empresa tem a oferecer, seja em forma de infográfico ou imagens ilustrativas.

 

10. Use o CTA em momentos pontuais

Quer melhor ferramenta para a aplicação de CTA (Call To Action) do que um conteúdo perene?

Isso porque ele pode ser encaminhado por e-mail marketing para uma lista de leads continuamente, sem perder a validade ou a importância para a empresa. 

Isso é muito importante para os próprios linking buildings propostos anteriormente, levando a conhecer uma marca, um produto ou um serviço continuamente, mantendo o tráfego em alta de forma constante. 

 

Conclusão

Seja para um blog pessoal ou profissional, um site corporativo ou para destacar uma loja virtual, sem que seja necessário publicar diversos artigos periodicamente, o conteúdo perene é a melhor solução para o tráfego contínuo e de qualidade. 

As empresas que contam com profissionais especializados em marketing de atração, ou Inbound Marketing, sabem os caminhos que devem trilhar, concentrando esforços para a manutenção de tópicos permanentes. 

O trabalho que precisa ser feito, continuamente, trata em garantir a qualidade perene sobre o conteúdo, sempre publicando em redes sociais, ou promovendo com frequência por meio de links patrocinados ou em parcerias comerciais. 

O alcance promovido pelo conteúdo perene é significativo e faz toda a diferença quando uma pesquisa é realizada nas plataformas de busca. 

Com isso, os leads seguem a jornada de compra, por diferentes motivos, após encontrar um conteúdo perene que demonstra exatamente a solução para um problema apresentado. 

Isso pode ser escrito, gravado em áudio ou em vídeo com uma construção de palavras adequada e acessível. 

Por fim, toda empresa precisa manter o foco sobre o mercado consumidor em que atua, respondendo às perguntas dos consumidores, principalmente quando são dúvidas recorrentes. Aí está a chave final do sucesso na produção de conteúdos perenes.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *