Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade!

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


Como criar um empreendimento digital de sucesso?

empreendimento

https://www.pontomais.com.br/blog/automatizar-processos-comunicacao-humanizada?utm_source=guest-post&utm_medium=backlink&utm_campaign=herospark&utm_content=como-criar-um-empreendimento-digital-de-sucessoFazer parte de um empreendimento digital tem deixado de ser um diferencial para ser uma necessidade. A economia brasileira já apresentava um quadro desanimador de alto desemprego e, dadas as condições das atividades econômicas durante e no pós-pandemia, o futuro continua incerto para quem busca emprego tradicional por CLT.

 

Assim, o empreendedorismo pode ser um caminho para os 8,9 milhões de desempregados brasileiros — os quais compõem a maior taxa de desemprego em 3 anos no país. 

 

Ter um negócio digital é especialmente vantajoso para quem busca essa carreira devido ao desemprego porque os custos são reduzidos e há modelos de negócios que praticamente dispensam capital inicial. 

 

Além disso, as negociações são quase instantâneas: você não precisa se deslocar em busca de fornecedores ou clientes. Basta fechar os contratos por uma simples mensagem no WhatsApp. Alcance qualquer pessoa, até fora do país se for seu objetivo, para divulgar sua solução.

 

Então, em vez de abrir um negócio físico com o dinheiro da reserva de emergência ou de um empréstimo, invista seu tempo para adquirir conhecimento e criar sua dinâmica de empreendimento digital. 

 

Mas existem dicas essenciais que podem ajudar você. Leia o artigo e saiba o que fazer para ter sucesso como empreendedor digital! 

O que fazer para ter um empreendimento online de sucesso

Selecione um nicho e o tipo do empreendimento 

Primeiramente, defina a zona de mercado na qual você quer atuar e, se existe alguma área em que você já tenha experiência e é do seu gosto, você pode se considerar sortudo. 

 

Definido o mercado de atuação, delimite mais ainda! Por exemplo, se seu mercado de atuação é o da moda, foque em um grupo, como plus size, gestantes ou moda masculina — um deles será o seu nicho. Seu subnicho poderia ser moda íntima plus size feminino, é um caminho. 

 

Como você pode atingir esse público? Na internet, há um mundo de opções. Confira algumas:

 

  • e-commerce: ideal para quem possui um negócio de baixa concorrência. Além disso, o e-commerce conta com modelos de logística emergentes favoráveis ao empreendedor, como o dropshipping;
  • marketplace: é uma plataforma online em que você pode atuar como vendedor, sem precisar de uma loja virtual, ou prestador de serviços;
  • infoprodutos: crie e venda cursos online, ebooks e afins para o seu público-alvo;
  • afiliados: como afiliado, você pode vender os cursos online de outros empreendedores, baseado no seu próprio tráfego e/ou conhecimentos em anúncios;
  • SaaS (Software como Serviço): para quem sabe automatizar processos e vendê-los no formato de assinatura, como softwares de gestão de controle de ponto online.

Projete seu negócio

Os conceitos também são importantes para o seu futuro empreendimento digital. Você não precisa de um bacharelado em Administração, mas conhecer e praticar seu valores, propósito, forças e fraquezas, dentre outros, será um diferencial na sua futura trajetória.

 

Conhecer a concorrência, levantar as necessidades do público-alvo, desenvolver a persona, identificar os meios de crescimento, conhecer seu próprio diferencial, reunir possíveis parceiros… tudo isso também faz parte da idealização do seu negócio. 

Preencha um canvas

Canvas, ou Business Model Canvas, é uma das melhores ferramentas que facilitam o planejamento estratégico de um empreendimento. O documento é bem visual e é semelhante a um mapa com 9 blocos. Cada um orienta a forma com que você vai operar e entregar valor ao mercado. 

 

  1. Proposta de valor: preencha esse bloco com a resposta da pergunta “por que seu empreendimento existe?”
  1. Segmento de clientes: divida os tipos de clientes que você terá no seu negócio, por exemplo, “mulheres interessadas em moda íntima plus size”.
  1. Canais: pense em como será feita a venda e a compra do produto ou serviço. No nosso exemplo, poderia ser por meio de uma loja virtual.
  1. Relacionamento com clientes: defina como funcionará o relacionamento com cada tipo de cliente, como pelas redes sociais, suporte de atendimento, etc.
  1. Atividade-chave: determine quais serão as atividades principais que possibilitarão a entrega da proposta de valor, como a venda de peças íntimas plus size.
  1. Recursos principais: elenque os recursos necessários para a execução da atividade-chave, o que inclui o serviço de colaboradores, uso de aplicativos, etc.
  1. Parcerias principais: selecione que atividades terão de ser terceirizadas, como a entrega da lingerie via transportadora privada.
  1. Fontes de receita: faça um levantamento das formas de faturar pela proposta de valor, como por vendas e parcerias.
  1. Estrutura de custos: liste as despesas relevantes para que o negócio funcione, como custo de entrega do produto, marketing, entre outros.

Aplique estratégias de marketing

Áurea Ribeiro, professora de Marketing e doutora em Administração pela FGV, diz que a arte de entender de gente é o outro nome para o marketing. Entender o outro é fazê-lo perceber o valor de algo que lhe seria útil, no seu contexto de uso. O marketing no meio digital é o que possibilita que pessoas, mesmo estando geograficamente longe, encontrem esse valor na sua solução. 

 

Para começar sua estratégia de marketing, crie versões dos canais de relacionamento para celular, faça publicações regulares em um blog, agende auditorias SEO para suas mídias e invista em email marketing. Para enxergar resultados imediatos e que dêem aquela empolgação na sua trajetória no empreendedorismo digital, crie anúncios pagos também.

Analise os primeiros resultados 

Seja na gestão de pessoas, de recursos e, principalmente, do próprio marketing digital, colha o máximo de dados. A revolução digital trouxe a ciência dos dados como recurso indispensável, então estude cada relatório para o desenvolvimento de metas específicas que possibilitem o crescimento do seu negócio.

 

Busque rastrear os acontecimentos que envolvem seu nicho, a conduta da sua equipe (se os valores da marca estão sendo realmente compartilhados), o grau de comprometimento que tem sido criado com a sua estratégia, os leads gerados pelos métodos de marketing, entre outros.

 

Essa proposta para a concretização de um empreendimento digital pode ajudar você a finalmente ter seu próprio negócio digital. Conte com esse método, desde a escolha do nicho até a criação de metas!

E para ajudar um pouco mais, recomendamos que você assista esse conteúdo inspirador sobre verdades e mentiras do empreendedorismo digital!

Mais artigos para você

Mercado Digital: o que é e como funciona

A transformação digital não é somente realidade, mas uma necessidade. Você sabe o que é mercado digital? Se você ou …

O que é negócio escalável e 3 ideias

Negócio escalável, cada vez mais, prova que não é uma buzzword ou palavra da moda. A alta lucratividade, além de …

O que é oratória e 4 dicas para falar bem no seu curso online

Se você pretende criar cursos online, é necessário saber o que é oratória e como usá-la para desenvolver aulas mais …

O que é NFT: entenda como funciona este registro digital

Você sabe o que é NFT? Ele é um registro digital que transforma o seu bem digital em algo único. …

Bruno Perini: saiba quem é e conheça seus projetos

Curioso, focado, organizado e com um objetivo muito claro e bem definido. Essas características podem definir bem quem é Bruno …

Psicologia das cores no marketing: entenda o significado

O marketing de uma empresa abrange diversos detalhes que devem ser pensados para que ela se destaque em meio às …