Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade !

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


Marketing de Afiliados: o que é e como fazer na prática

marketing de afiliados

Se você já fez pesquisas do tipo “como ganhar dinheiro na internet” com certeza se deparou com o tema marketing de afiliados. Inclusive, deve ter encontrado artigos e vídeos relatando ganhos acima de R$10.000,00 mensais. Mas será que funciona mesmo? Eu vou te mostrar tudo logo abaixo.

Quem são os afiliados?

Primeiramente, é preciso definir quem são os afiliados para depois falar sobre o marketing de afiliados. Basicamente, a função de um afiliado é vender um produto de outra pessoa e, em troca, recebe uma comissão por venda. Simples, não é?

O afiliado pula algumas etapas do processo de abertura de um negócio, como a criação de um produto, por exemplo. A única preocupação dele é em achar um bom produto e saber divulgá-lo para poder vendê-lo. Se você quiser saber tudo sobre como se tornar um afiliado, aqui no blog tem um artigo completinho sobre esse assunto.

O que é Marketing de Afiliados?

Consiste no uso de estratégias de marketing visando a venda de um produto. Ou seja, é toda a publicidade online que um afiliado realiza para promover o que ele escolheu vender. Logo, logo irei dar mais detalhes sobre todas as estratégias que podem ser usadas.

Conforme já explicado, afiliado é a pessoa que trabalha vendendo produtos de terceiros em troca de comissões. No entanto, ao contrário do que muitas pessoas imaginam, não são apenas produtos digitais. A quantidade de infoprodutos é infinita, porém existem programas de afiliados que também ofertam produtos físicos e, até mesmo, serviços. Como ferramentas para automação de e-mail, por exemplo.

O mais interessante do marketing de afiliados é que nele você não precisa usar estratégias agressivas na hora de ofertar um produto. E, acima de tudo, é uma das formas mais rápidas de se ganhar dinheiro na internet. Não se iluda achando que é algo fácil, mas se for bem feito, em poucos meses os resultados começam a aparecer.

O marketing de afiliados digital surgiu em meados dos anos 1990 com a criação do programa de afiliados da Amazon. A empresa americana criou o Amazon Associates no intuito de aumentar as vendas de seus produtos físicos. Essa plataforma continua ativa até os dias de hoje!

Marketing de Afiliados x Marketing Multinível (MMN)

Não confunda essas duas modalidades! O marketing multinível, também conhecido como marketing de rede, surgiu em 1940 nos Estados Unidos. Como o nome já sugere, o objetivo aqui é criar uma rede de pessoas que ganham comissões em vários níveis.

Vou dar um exemplo para facilitar: João trabalha vendendo carros. A cada veículo vendido, ele ganha uma pequena comissão. Então João indica Maria para trabalhar nessa mesma empresa. A cada venda realizada por por Maria, além dela ganhar uma comissão, João também vai ganhar um pedaço dessa venda. E assim sucessivamente.

Talvez a principal diferença entre essas duas modalidades seja o investimento inicial. No MMN é preciso comprar um produto (cosmético, aparelho de academia, etc) para iniciar as vendas. Enquanto que no marketing de afiliados você não precisa ter o produto em mãos para vendê-lo,você é apenas a ponte entre produtor e consumidor.

No marketing digital você também não vai precisar se preocupar com estoque, da mesma forma que não precisa se preocupar em trazer pessoas para a sua rede de contatos. E, além disso, se o seu produto estiver em baixa, você pode simplesmente trocar de produto sem custo algum.

Hoje em dia no Brasil existem grandes empresas atuando com marketing de rede: Polishop, Hinode e Mary Kay são apenas algumas delas. No entanto, empresas como Americanas.com e Ricardo Eletro também têm um programa de afiliados para a venda de produtos físicos. E, para ser um afiliado dessas empresas, você não precisa comprar uma geladeira, por exemplo.

Agora que você já sabe o que é e o que não é marketing de afiliados, deve estar se perguntando como é que se faz para trabalhar com isso na prática, correto?. Então vem comigo!

Colocando em prática

O marketing de afiliados consiste em estratégias para vendas de produtos, conforme explicado no início desse artigo. Agora eu vou detalhar quais são as estratégias e quais ferramentas você precisa para por tudo isso em prática.

Site/Blog

Para quem atua nessa área ter um site ou blog é de fundamental importância. Essa ferramenta vai te possibilitar escrever artigos e reviews para o produto que você está divulgando. E, além disso, vai te ajudar a manter contato com o seu público.

Uma das estratégias mais poderosas é, sem dúvida alguma, a produção de conteúdos valiosos para a sua audiência. Muitas vezes as pessoas não sabem que têm um problema ou pensam que não precisam de solução para tal, você precisa mostrar que o seu produto vem para resolver tudo isso.

No meio digital usamos muito a expressão “educar a audiência”. E aqui não diz respeito a costumes ou juízo de valor, essa técnica consiste em mostrar para pessoas que visitam o seu blog que ela tem um problema. E, principalmente, que você pode resolvê-lo.

O mais legal é que é possível criar sites e blogs de forma gratuita. O WordPress é uma das plataformas que te permite fazer isso, por exemplo. O ideal é que você invista em um template profissional para que o seu blog não fique bagunçado. Tente deixar ele o mais clean possível, isso vai evitar que as pessoas saiam da sua página antes de terminar a leitura.

Com apenas alguns cliques você consegue achar várias dicas legais para deixar o seu blog em destaque nas pesquisas. Afinal, não adianta escrever conteúdos valiosos se ninguém vai ler. Para afiliados, ter domínio sobre técnicas de SEO é fundamental e vai ajudar muito.

E-mail marketing

Ferramenta muito importante para quem trabalha com marketing de afiliados! O e-mail marketing é um canal de comunicação com leads através de uma plataforma de automação de e-mails, ou seja, você pode programar mensagens e elas serão enviadas automaticamente para a sua lista de contatos.

E como você vai criar essa lista de contatos? Uma possibilidade é com a oferta de algum material gratuito, como um e-book, por exemplo. Em seu site/blog ou nas suas redes sociais você pode oferecer um conteúdo e, em troca, a pessoa preenche o e-mail dela. Pronto, agora você já sabe que essa pessoa está interessada no que você tem a dizer.

O SqueezeWP te possibilita criar caixas de captura e banners para colocar no seu blog. Basta você montar uma caixinha ofertando algo e com um espaço para o interessado digitar e-mail e/ou outras informações que você julgar necessárias.

O e-mail marketing é conhecido como isca digital, porque conforme explicado acima, você oferece algo em troca de um endereço de e-mail. Com essa ferramenta você pode estar sempre mandando novidades e avisando de novos conteúdos para a sua audiência. 

O e-mail marketing também deve ser usado no pós venda, é uma oportunidade de manter as portas abertas para que antigos clientes comprem novamente com você. A plataforma RD Station pode te ajudar muito com a automação de e-mails. Tem uma interface muito intuitiva, o que facilita o trabalho mesmo para afiliados que não entendem muito de automação.

YouTube

Com certeza você conhece o YouTube, não é? Mas você sabia que essa plataforma está atrás “apenas” do Google quando o assunto são pesquisas? Ou seja, se você conseguir se destacar no YouTube, estará falando para milhões de pessoas.

O YouTube te possibilita conversar com o seu público através de vídeos. Você pode mostrar o seu produto, caso o tenha em mãos. Também pode usar os vídeos para fazer reviews e comentários sobre ele. Muitas vezes as pessoas não têm tempo para longas leituras, então os vídeos acabam sendo o caminho mais rápido para chegar até a informação.

Para ter sucesso no marketing de afiliados, o vendedor precisa ser visto! Além de o YouTube proporcionar isso, literalmente, ele também vai te dar a chance de ter um canal de comunicação mais aberto com a sua audiência.

Certo, eu disse que ia te mostrar como que o marketing de afiliados funciona na prática, certo? E, para um afiliado ter sucesso, ele precisa vender! Ter um blog/site, ter contato com a sua audiência através de e-mail marketing e YouTube vai te ajudar muito nessa tarefa, obviamente.

Mas o que pode alavancar as suas vendas é o que você vai fazer, e como vai fazer, com as suas redes sociais! Hoje em dia existem, aproximadamente, 127 milhões de brasileiros conectados ao Facebook. Sim, é isso mesmo: mais de 60% da população brasileira concentrada em apenas um lugar.

Se você conseguir dominar estratégias de Facebook Ads e Instagram Ads, as suas vendas podem crescer de forma inimaginável. Vou te passar algumas dicas para colocar o marketing de afiliados em prática nas redes sociais.

Divulgação em redes sociais

Em primeiro lugar, você pode usar as redes sociais para postar seus links de afiliado ou então para atrair mais tráfego para o seu site. O Facebook, por exemplo, te permite criar grupos e eventos onde você pode estar interagindo com os seus seguidores.

Mas você pode usar as suas redes sociais para focar em vendas. Não é aconselhável que use táticas muito agressivas, mas algumas estratégias podem te ajudar bastante.

Conteúdos explicativos

Use suas redes sociais para postar conteúdos explicativos. No entanto, esses conteúdos precisam ser mais curtos e diretos. São poucas as pessoas que usam essas plataformas para longas leituras, deixe isso para o seu site.

Use e abuse de imagens ilustrativas, infográficos e mapas mentais. Explique o que é o seu produto e como ele funciona de um jeito criativo e ágil, isso vai gerar curiosidade nas pessoas que estão vendo o anúncio.

Mostre o seu produto na prática

Aproveite para mostrar como que o seu produto funciona na prática. O Instagram te permite fazer vídeos curtos, os stories. Você pode usar essa ferramenta para mostrar ao seu público como usar o que você está vendendo ou então como esse produto pode ser um facilitador na vida das pessoas.

E quando dizemos para mostrar um produto não quer dizer que você só pode fazer isso com os que são físicos. Infoprodutos também se encaixam nesse perfil, ok? Se a sua área de atuação é saúde e bem estar, por exemplo, você pode mostrar como um e-book de receitas saudáveis te ajuda no dia a dia. Fácil, não é mesmo?

Tire dúvidas dos interessados

Com certeza você receberá vários e-mails e mensagens perguntando diversas coisas, isso é normal. Aproveite as redes sociais para responder essas dúvidas!

Além das dúvidas, surgirão diversas objeções. Pessoas vão dizer que o produto não funciona ou que não é útil para uma determinada coisa, use esse canal para mostrar como elas estão enganadas.

Testemunho de clientes

Outro método muito eficaz para te auxiliar nas vendas são os relatos de pessoas que já compraram contigo. Além dos reviews que você pode fazer no YouTube, aproveite as redes sociais para mostrar depoimentos de clientes que tiveram a vida impactada pelo seu produto.

Por mais que o hábito de compras online tenha crescido exponencialmente nos últimos anos, muitas pessoas ainda têm receio de comprar pela internet. O testemunho de clientes satisfeitos com o produto irão motivar esses que estão em dúvida a realizar a compra.

É possível ganhar dinheiro com marketing de afiliados?

Sim, com certeza! Você terá a oportunidade de trabalhar para si mesmo e usar os métodos que considerar mais apropriados para gerir um negócio. Obviamente, o início não será fácil.

No entanto, o marketing de afiliados te dá a oportunidade de trabalhar de onde você quiser e quando você quiser. Ou seja, você pode começar essa atividade como um extra. O investimento inicial é muito baixo, praticamente zero, e você não vai precisar criar um produto do zero.

Aqui na HeroSpark nós temos um guia completo sobre tudo o que você precisa saber sobre afiliados. Com paciência e muito estudo, você vai conseguir alcançar os seus objetivos. Não desanime.

Caso tenha ficado alguma dúvida sobre marketing de afiliados, deixe um comentário aqui embaixo e eu ficarei feliz em responder.

Até a próxima, herói.

Mais artigos para você

O que é webinar e como gerar mais leads com ele

Você não sabe o que é webinar? Pois então, é com enorme prazer que informo que os seus problemas acabaram! …

O que é Landing Page: tudo o que você precisa saber

Se você está inserido no empreendedorismo digital, muito provavelmente sabe o que é Landing Page. Mas será que você tem …

Como aumentar suas vendas fazendo um webinar encantador

No marketing digital existem diversas técnicas para atrair e converter mais leads. No entanto, dificilmente alguma delas terá um custo …

Landing Page: como criar páginas que convertem?

Seu negócio digital não anda faturando muito? Por algum motivo clientes novos não chegam a sua empresa e você não …

Negócio digital: aprenda a lucrar com o seu

Investir em um negócio digital atualmente está sendo a mina de ouro de milhares de empreendedores no Brasil. Segundo o …

Tudo o que você precisa saber para vender mais usando Storytelling

A visão de mundo que temos, hoje em dia, é uma coleção de histórias. Isso acontece porque pessoas que contam …