Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade !

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


Curso de informática online: como criar e vender o seu

curso de informática online

Dentre tantos materiais de ensino à distância, o curso de informática online se mostra como uma das melhores opções. Sabe por que? Porque estamos vivenciando tendências informatizadas como a alta da realidade virtual (desde filtros do Instagram a aplicativos criativos e inovadores), a internet das coisas (que é o recurso utilizado em casas inteligentes) e, surpreendente, o aumento da vida útil dos hardwares.

 

A internet ganhou bastante espaço, mas sem a informática nada disso seria possível. Essa quantidade monstruosa de informações que a web protagoniza necessita de uma estrutura de processamento de dados tão moderna e atualizada quanto. E a melhor maneira de se atualizar na área ocorre por meio de cursos online.

 

Quem entende de informática tem a opção de contribuir para a disseminação das novas tecnologias com as aulas online, já quem estuda e ainda pretende entrar para o mercado de trabalho, pode ter seu tempo bastante otimizado com o consumo de um curso de informática online. 

 

Como criar e conseguir vendas com um, afinal? Leia o texto!

Identifique o que você quer ensinar

A informática é um campo do conhecimento mais do que vasto. Em qualquer curso técnico temos várias disciplinas como:

 

  • conhecimentos em hardware;
  • sistemas operacionais;
  • programação;
  • banco de dados.

 

Cada um desses assuntos pode ser explicado do seu jeito, com seus métodos. Esta é a relevância de um curso criado por você e que pode impactar mais pessoas. 

 

Para facilitar, você pode também fazer uma breve busca de quais cursos online gratuitos as pessoas têm procurado e/ou melhor avaliado. Unir os assuntos que você tem afinidade com o que as pessoas procuram pode contribuir significativamente com o sucesso do projeto digital. 

Escolha quem vai aprender com você

Assim como existem vários tópicos em informática para focar em um curso, existem vários perfis de pessoas que vão se beneficiar. Você pretende ensinar para crianças e adolescentes? Para universitários freelancers? Ou o curso seria de atualização para profissionais mais consolidados na área? 

 

Veja que cada grupo de pessoas possui necessidades diferentes, tons de voz, abordagens de aprendizado, preferências e outros atributos. Inclusive, a melhor forma de obter resposta sobre isso tudo ocorre graças a uma audiência na internet. Para ter, crie, desde já, um blog ou um perfil em alguma rede social com conteúdo gratuito. Essa etapa é essencial para a criação de qualquer curso online.

Prepare os recursos para o curso de informática online

Para as videoaulas você vai precisar de, no mínimo, uma câmera, um microfone e um cenário, certo? Então fique ciente das dicas para cada um desses elementos. 

 

Muitos produtores de cursos online utilizam apenas a câmera do celular. Todavia, se você já tem um recurso voltado para isso, invista em uma DSLR (Digital Single Lens Reflex). Ela é um tipo de câmera profissional com visor ótico, possibilidade de troca de lentes, tela LCD, etc.

 

O microfone também não pode ser negligenciado. É até frequente ver as pessoas assistindo conteúdos em vídeo com as imagens um pouco amadoras, mas se o áudio for ruim a percepção é maior e a rejeição também. Um microfone de lapela com um adaptador pode custar a partir de R$ 30, então é só investir!

 

Por fim, o cenário. Basta escolher um ambiente apropriado e, de preferência, que tenha luz natural. Claro que se você pretende transmitir a tela do seu computador na maioria das aulas, cenário e câmera poderão ter exigência menores restando, assim, mais atenção com a qualidade sonora.

Estruture o curso 

Antes de começar a gravar as aulas, você terá que idealizar cada módulo até a conclusão do conteúdo. O que inclui materiais em pdf, exercícios e fóruns de dúvidas. Aplicativos de mapa mental como MindMeister e Milanote podem ser ótimas ferramentas para essa etapa.

 

A seguir, escreva roteiros para aula e, se necessário, utilize apps de teleprompter para gravar e não se perder no conteúdo. Inclusive, não se mantenha só no que você planejou inicialmente — procure entregar mais, praticar o overdelivering. Acrescente atualidades nas aulas, dialogue com outras ciências (como a Ciência de Dados), chame convidados para as gravações, etc.

Edite o conteúdo

Com os arquivos todos feitos, só falta abri-los em programas de edição e editá-los de acordo com o planejado. Em vez de gerar um arquivo de aula de 40 a 60 minutos, transforme-o em um módulo com quatro aulas de 10 minutos cada. Esse processo torna o aprendizado menos cansativo para os alunos.

 

Lembre-se de colocar legendas ou frases de destaque nos vídeos, como lembretes, sinalizações de que algo falado é importante para a aula, etc. Além disso, um erro comum de edição é inserir uma música de trilha sonora e deixá-la no volume maior que o da voz do apresentador do curso, então evite fazer isso.

 

Envie para uma plataforma 

Com o curso finalizado, só falta escolher uma plataforma para hospedá-lo. Pense no seu objetivo (se você quer faturar para valer, se é só o seu primeiro produto digital e você quer testar a recepção do público-alvo, etc.) e escolha a mais apropriada. Vale a pena acessar períodos de teste gratuito como o que oferecemos com o SparkMembers.

 

Se certifique de que a plataforma é compatível com o material que você produziu, seu grau de personalização de conteúdo, se ela entrega certificado, entre outros. São detalhes que podem fazer total diferença no sucesso do seu curso — mesmo que suas videoaulas estejam impecáveis. 

Faça o lançamento 

Esta é a hora de focar nas vendas do curso! Antes de todo lançamento existe o pré-lançamento, em que você vai anunciar que criou o curso online para a sua audiência, explicar que problema ele resolve e as vantagens de adquiri-lo o quanto antes — o que normalmente envolve preços especiais e materiais extras gratuitos.

 

Dessa forma, seguindo um passo a passo lógico, seu curso de informática online pode levar seus conhecimentos próprios a qualquer pessoa e, em troca, um bom retorno financeiro.

 

Se esse conteúdo foi relevante para você, conheça 5 técnicas específicas para ajudar a alavancar as vendas do seu produto digital! 

 

Mais artigos para você

OBS Studio: como usar no seu negócio digital

De acordo com dados divulgados pela SEMRush, há 70% mais de chance das pessoas lembrarem da sua empresa depois de …

Como criar canal no Youtube

A maior plataforma de vídeos do mundo tem mais de 15 anos de existência. Aprender a criar um canal no …

Como fazer um plano de aula

Assim como a estratégia está por trás de todo negócio bem estruturado, o plano de aula é um dos fatores …

Storytelling: o que é e como usar?

Quem está à frente de um negócio, seja grande ou pequeno, sabe da luta contínua e diária para engajar o …

Backlinks: como e por que utilizar no seu site?

Backlinks são, simplesmente, links inseridos em uma página que podem levam o leitor a outra. Você pode usar tanto links …

Como criar um blog

Engajar o público é uma tarefa difícil, mas que rende ótimos frutos. Saber como criar um blog para a sua …