herospark comece grátis agora

O podcast é um dos formatos de conteúdos mais populares da atualidade, que está crescendo em audiência. Aliado a isso, o YouTube segue sendo um dos sites mais populares do Brasil. Portanto, um podcast no YouTube é uma combinação perfeita. 

Os brasileiros estão buscando cada vez mais conteúdos em áudio para se informar, construir opiniões, estudar e até meditar. Mas algumas áreas têm se destacado, como é o caso de reflexões e discussões políticas, empreendedorismo e cultura pop. 

Se você é um interessado em entrar para o rol de criadores de podcasts, acompanhe este artigo, pois vamos pontuar tudo o que você precisa saber antes de criar o seu programa.

 

O que é um podcast no YouTube

Uma definição inicial de podcast era de “programa de rádio na internet”. São arquivos de áudio em que apresentadores abordam diversos assuntos, com duração variada.

Existem várias formas de fazer podcasts, tanto em relação aos temas, quanto em relação à duração dos programas, que podem ter horas ou minutos, dependendo do autor, categoria e tema.

Eles podem ser distribuídos em diversas plataformas, como sites próprios, SoundCloud, Spotify e YouTube. Nesse sentido, divulgar um podcast no YouTube tem uma vantagem importante: incluir conteúdos em vídeo junto com os áudios.

Além disso, o YouTube tem se tornado um canal bastante visado pelos podcasters por causa dos números da plataforma.

A Statista, empresa especializada em pesquisa de mercados, aponta que a base de usuários do YouTube no Brasil chegará a quase 170 milhões de pessoas até 2025. A empresa especialista em dados de mercado diz ainda que o YouTube é a maior plataforma de vídeo do mundo e em 2020 teve um alcance de quase 74% nos Estados Unidos.

O site é gigante e, consequentemente, seu alcance também. Isso significa que compartilhar um podcast no youtube pode fazer com que ele ganhe visibilidade e consiga alcançar uma quantidade considerável de pessoas.  

Veja um exemplo:

Por que divulgar um podcast no Youtube?

Devido à popularização da ferramenta, o mercado de podcast tem se tornado cada vez mais lucrativo. Para se ter ideia, enquanto no Brasil esse formato de programa se tornou um recurso muito bem utilizado pelas grandes companhias de comunicação, nos EUA, as receitas de anúncios de podcast estão quase alcançando a marca de US$ 1 bilhão, de acordo com o Interactive Advertising Bureau (IAB).

Não é à toa que o podcast vem sendo almejado por muitos que pensam em transformar a internet em uma fonte de renda. Cativar o público com sua voz e sua maneira de pensar é, sem dúvidas, uma excelente maneira de promover sua marca sem precisar expor sua imagem ou um produto físico, propriamente dito.

Nos últimos anos, o Spotify tem sido a plataforma com engajamento ímpar no que se refere a conteúdos de áudio, como músicas e podcasts. No entanto, engana-se quem pensa que essa é a única plataforma capaz de gerar engajamento e promover trabalhos de áudio. 

Como já foi destacado aqui, o YouTube tem um alcance impressionante. Portanto, focar na produção de podcast no youtube é uma ideia muito inteligente. Fora que publicar um podcast no YouTube faz dele mais acessível, já que mais pessoas usam o site de vídeos do que o Spotify.

 

Como publicar Podcast no Youtube?

Existem muitas formas de publicar um Podcast no YouTube. Uma delas é utilizar um ou mais vídeos junto com o arquivo de áudio do podcast no YouYube. Outra é utilizar uma imagem estática em toda a duração do conteúdo, chamando a atenção apenas para o áudio. 

As duas formas são válidas e podem funcionar. Sua escolha entre as duas vai depender do seu tipo de conteúdo e das pessoas que consomem seu podcast no YouTube. Nesse sentido, vale a pena investir algum tempo pensando na escolha, já que ela pode impactar os resultados. 

Além disso, você precisa estar atento a alguns pontos:

 

Estude o público-alvo

O primeiro passo para divulgar um podcast no youtube é estudar o público para o qual seu conteúdo será direcionado. Pois, dessa maneira, você poderá trabalhá-lo exatamente para o interesse de seu receptor e saberá, por exemplo, quando um tipo de tema poderá ser abordado ou não, a depender da preferência de consumo desse público e de sua aceitação.

 

Pense na parte visual do podcast

Inicialmente, sabe-se que quem busca o YouTube como recurso de entretenimento tem preferência por produções que contenham imagens em movimento. Nesse caso, o melhor é dar preferência para podcasts em formato audiovisual, sem deixar de lado sua principal natureza: materiais em áudio.

Treine a apresentação 

Procure filmar as gravações dos episódios do seu podcast de maneira descontraída. Seja expressivo e atraia seu público por meio do seu carisma pessoal e o de seus convidados. 

Essa é uma boa maneira de humanizar o seu trabalho mostrando aos seus ouvintes que existe uma pessoa por trás dos conteúdos e que essa pessoa se envolve não só profissionalmente, mas pessoalmente com os temas abordados. Isso pode tornar as gravações mais divertidas e dinâmicas.

 

SEO para podcast no YouTube

Além de todas essas dicas que demos sobre como fazer um podcast no YouTube, é necessário entender o mínimo de SEO na hora de criá-los. A Otimização de Sistemas de Busca, tradução da sigla em português, nada mais é do que um conjunto de estratégias de melhoria de um determinado conteúdo nos principais motores de busca.

Por isso, manter o SEO do seu podcast bem configurado aumenta as chances de seu conteúdo ser encontrado com mais frequência e por muito mais usuários da internet. 

Ainda que aprender a aplicar SEO não seja a coisa mais fácil do mundo, certamente vai ajudá-lo a alcançar um bom resultado para o seu podcast, com visitas orgânicas, usuários realmente interessados em acompanhar seu conteúdo e cada vez mais repercussão.

 

Dicas para o seu podcast no YouTube

Agora que você já sabe o essencial sobre como criar um podcast no YouTube, confira algumas dicas estratégicas:

Planeje o conteúdo

Para entender quais os assuntos mais interessantes para apresentar em seu podcast, o melhor é estudar qual o perfil que gostaria de desenvolver e qual efeito gostaria de causar no seu público. 

Com isso definido, busque por conteúdos relacionados e populares no YouTube e elabore vídeos de curta duração. Dessa maneira, seu podcast não ficará desatualizado e você poderá apresentar novidades sobre o tema quando achar necessário. 

 

Interaja com seu público

Uma maneira de interagir com seus seguidores durante a gravação de um episódio e criar uma conexão imediata com eles, é por meio de uma live no YouTube. Dessa forma, você consegue responder a perguntas dos usuários sobre o tópico que está abordando e até entender, durante essa interação, quais os próximos temas interessantes para gravar.

Ou então, estimule seus ouvintes a enviarem perguntas, que serão respondidas no próximo episódio.

 

Utilize ferramentas para te ajudar 

Existem várias ferramentas que auxiliam na criação de um podcast. Entre elas, a Anchor, que é gratuita e, além da versão web, está disponível no Google Play e na Apple Store. A plataforma promete ainda ajudar na gravação e edição dos podcasts com muita facilidade.

Outra opção é o Adobe Audition que é um software de edição de áudio da Adobe. O programa é muito completo, por isso é um excelente investimento para te auxiliar na produção dos seus podcasts. 

 

Monte um cronograma para publicação

Dedicar-se a manter o fluxo de suas postagens por meio de um cronograma é outra prática fundamental na hora de pensar em criar um podcast no YouTube. Pois, quando se trabalha com previsões, é mais fácil entender como um determinado conteúdo será abordado e o que deverá ser levado em conta com antecedência.

Portanto, agora que você já entende sobre podcast no youtube, chegou a hora de colocar a mão na massa e começar a produzir o seu conteúdo da melhor forma possível. E, se você já estiver pronto para conquistar a internet, lembre-se que a HeroSpark está sempre aqui para te ajudar no que for preciso. Então, conte com a gente para criar o seu negócio digital!

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *