empreender com a herospark

A economia de recorrência está mais presente em nossas vidas do que imaginamos e vem se expandido de forma gradual com o avanço da tecnologia no mundo. E o modelo de negócio dessa nova economia não é tão atual como parece!

Muitas pessoas já participam de negócios de assinatura e não se dão conta de que contribuem para o crescimento da economia de recorrência.

Mas, afinal, o que significa economia de recorrência? Como tem sido implementada no mercado tecnológico? Entenda, neste artigo, tudo o que você precisa saber sobre essa tendência.

 

Crescimento da economia de recorrência no mercado

Os modelos de assinatura já estavam presentes na vida do consumidor antes mesmo da popularização do acesso à internet e do uso de smartphones. Temos como exemplo as assinaturas de jornais e revistas.

Para entender a economia de recorrência, não é preciso ir muito longe, basta apenas olhar para seus próprios hábitos de consumo.

Segundo pesquisa da Vindi, atualmente 50,6% do público assina ou paga recorrentemente de 6 a 10 serviços de assinatura por mês.

Além disso, cerca de 69% gasta mais do que R $100,00 mensalmente com este modelo de negócio.

Os produtos digitais mostraram-se como preferidos entre 74% do público pesquisado. O estudo incluiu como produtos digitais: 

  • Aplicativos;
  • Jogos;
  • Recomendações de investimentos;
  • Sites;
  • Streamings de música e filmes;
  • Entre outros.

O estudo também constatou que muitos dos entrevistados não tinham ideia de quantos produtos ou serviços assinavam e do valor investido mensalmente.

Além desses dados, a Vindi também verificou que as empresas criadas com esse modelo cresceram mais do que as empresas tradicionais dos seus setores no ano de 2021.

 

O que é economia de recorrência? 

A economia de recorrência consiste em um tipo de economia cujo objetivo é focar no acesso ou entrega de um produto ou serviço de forma recorrente, priorizando a qualidade e a otimização dos bens ofertados. 

Sua principal característica é a receita recorrente. Ou seja, o empreendedor conta com uma receita previsível e o seu faturamento não sofre com as oscilações do modelo de venda tradicional.

A receita recorrente deriva da oferta de um produto ou serviço por intermédio de assinatura, planos ou mensalidades.

Logo, o assinante tem acesso aos produtos e serviços sob demanda, conforme acordado em contrato ou na própria assinatura. Sendo assim, o foco desse tipo de economia reside na experiência do cliente, priorizando o acesso ao produto ou serviço em detrimento da aquisição. 

Esse modelo de negócio costuma utilizar meios de crédito, débito ou boleto como meios de pagamento.

Eles garantem praticidade e comodidade tanto aos assinantes quanto aos empreendedores. 

 

Quais são as vantagens da economia de recorrência?

Existem diversas vantagens inerentes à economia de recorrência que se destacam diante de tamanho crescimento deste modelo Entre elas estão:

 

Maior segurança financeira

A garantia de uma renda fixa ao final de um mês, semestre ou ano proporciona segurança financeira aos adeptos da economia de recorrência.

Desse modo, fica mais fácil planejar gastos com antecedência ou realizar algum investimento.

 

Satisfação do cliente

O cliente que adquire produtos ou serviços por intermédio deste modelo costuma estar mais satisfeito.

A pesquisa da Vindi apontou que cerca de 36% atribuíram um bom valor a esse tipo de serviço mensal e 41% avaliaram como indispensáveis. 

Esses números refletem uma particularidade da economia de recorrência: a constante necessidade de inovação e otimização do produto ou serviço, assim como o investimento em um atendimento de qualidade aos assinantes.

 

Redução de gastos

A economia de recorrência tem como característica a redução dos gastos das empresas, visto que os custos para manter um cliente são menores do que para atrair um novo. 

 

Maior rentabilidade

O modelo de recorrência costuma gerar rentabilidade ao negócio.

O fato de possuir uma base de cliente fixa permite que o empresário aumente seus lucros, pois o valor da compra realizada pelo modelo tradicional é diluído no valor do plano, assinatura ou mensalidade.

Além disso, essa base de clientes permite que a empresa atraia novos clientes de forma progressiva. Assim, o empreendedor não precisa se preocupar com instabilidades financeiras.

 

Atualização constante dos produtos e serviços

Com o foco na experiência do cliente, a demanda por produtos atualizados aumenta, uma vez que a economia de recorrência acompanha as transformações do mercado.

Esse monitoramento constante, tanto do consumidor quanto das tendências globais, permite que produtos ou serviços sejam sempre aprimorados. 

 

Expectativa de crescimento

O mercado de recorrência está em expansão, principalmente no que tange aos produtos digitais. Gigantes como Netflix, Amazon e Spotify alcançaram altos patamares por meio desse modelo e inspiraram outras empresas a aderirem a economia de recorrência.

Além disso, existem diversos exemplos de empresas que investem neste modelo de negócios ou que já nasceram com base nele.

 

Como adotar a economia de recorrência?

Para adotar a economia de recorrência, é preciso identificar em seu produto ou serviço oportunidades para inserir esse modelo.

Muitas empresas têm usado a criatividade a fim de oferecer a melhor experiência aos assinantes.

É possível encontrar, inclusive, clubes de assinatura para inúmeros produtos ou serviços, tais como: softwares, escolas de inglês, streamings de música ou vídeo, plataformas digitais, entre outros.

Depois de definido o produto, é preciso realizar um planejamento detalhado, precificá-lo e divulgá-lo.

Você pode contar com o auxílio de plataformas para publicar seu produto digital. Na HeroSpark, você irá encontrar uma plataforma completa para o seu produto.

Assim, você pode oferecê-lo na modalidade recorrência e executar todo o planejamento de marketing necessário para alcançar o seu público-alvo em um só lugar.

Por meio da plataforma da HeroSpark, você terá a possibilidade de criar landing pages inovadoras, automatizar e-mails marketing e hospedar seu produto utilizando modelos pré-prontos.

Possuir à disposição essas ferramentas amplia as possibilidades do seu produto alcançar as pessoas certas.

Desse modo, você irá lucrar sempre e não precisará mais se preocupar com as oscilações das vendas tradicionais. Gostou desse modelo de negócio? Gostaria de fazer um teste grátis para experimentar? Então, publique seu produto digital em nossa plataforma de forma gratuita agora mesmo. 

vender cursos online herospark

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *