Você também acha que, de uma forma geral, o ser humano é muito curioso? Mas você sabia que a curiosidade é uma emoção que nos move diariamente?

A prova disso é que diversas coisas no mundo foram descobertas e criadas através da curiosidade, como é o caso da cola super bonder, do picolé e do palito de fósforo. Sim, diversos elementos são despertados através de gatilhos mentais! 

É por isso que, neste post, você descobrirá o que é o gatilho mental da curiosidade e exemplos incríveis para aplicar no seu negócio. Confira!

O que são gatilhos mentais?

Os gatilhos mentais são estímulos emocionais recebidos de forma externa pelo seu cérebro. Eles são capazes de motivar uma pessoa a tomar uma decisão, que, inicialmente, é inconsciente, mas depois passa a ser consciente.

Pode até parecer mentira, mas segundo o portal Inc., cerca de 97% das decisões tomadas por uma pessoa diariamente se baseiam no seu inconsciente.

Talvez você tenha se perguntado o que isso significa, não é mesmo? Isso quer dizer que a maior parte das decisões tomadas por você são baseadas em fatores emocionais, comportamentais e, até mesmo, ilógicos. 

 

 

O que é o gatilho mental da curiosidade?

O gatilho mental da curiosidade se desperta em vários momentos, até mesmo nos mais sutis, como quando você conversa e fica interessado em saber o final de uma história. 

Portanto, o gatilho mental da curiosidade pode despertar nas pessoas uma sensação de necessidade em saber detalhes ou de descobrir “como, quando, de que formaalgo pode ajudá-las em uma demanda que elas tenham.

Convém mencionar que a curiosidade é uma emoção bastante intrínseca ao ser humano. Inclusive, ela é uma das que mais se evidencia na hora da tomada de decisão.

 

Como aplicar o gatilho da curiosidade no seu negócio?

O gatilho mental da curiosidade pode ser usado de diversas formas no seu negócio. Normalmente, ele está atrelado a conteúdos polêmicos, pois esses despertam interesse imediato no usuário.

Exemplo disso são aqueles títulos que dizem:

  • Faça X e a sua vida vai mudar para sempre;
  • Ela mudou de vida com apenas R$ 500 e hoje fatura X mil por mês;
  • Quer conquistar sucesso nas suas vendas? Saiba agora como!

Esses e outros títulos fazem parte de uma estratégia que contém links, propagandas, imagens ilustrativas ou até mesmo depoimentos de quem já fez e deu certo.

Portanto, uma boa estratégia para ativar o gatilho da curiosidade no seu negócio é usar títulos atrativos. Não precisa ser polêmico, mas que seja instigante e curioso. 

Alguns exemplos de palavras que atiçam a curiosidade são:

  • Conheça;
  • Descubra agora;
  • Esse segredo;
  • Ninguém te contou;
  • Novidade e outras.

Essas e outras palavras, quando usadas da forma adequada, possuem o poder de atrair e despertar a curiosidade do cliente. Isso, consequentemente, aumenta as chances do seu negócio ser visto e de as pessoas se interessarem por ele.

 

3 Exemplos de gatilho mental da curiosidade para se inspirar

1. “3 verdades difíceis de engolir”

 

Print de tela do Instagram da HeroSpark.

 

Print de tela do Instagram da HeroSpark.

Imagem ofertando o e-book gratuito de funis americanos

 

Print de tela do Instagram da HeroSpark.

 

Print de tela do Instagram da HeroSpark.

Um ótimo exemplo de gatilho mental da curiosidade é esse carrossel no Instagram da HeroSpark. Perceba que, de primeira, a imagem já contém uma frase chamativa: “3 verdades difíceis de engolir sobre empreendedorismo”. Isso, por si só, já desperta o interesse do usuário, concorda?

Você nem sabia que precisava saber dessas verdades, mas a mensagem possui o intuito de despertar a sua curiosidade. Consequentemente, você vai adquirir informações que ainda não conhecia.

Além disso, esse post da Hero no Instagram traz importantes palavras-chave, como: “verdades”, “lições”, “recompensa”, “não tem preço” e “mais rico”. Todas elas compõem a estratégia de despertar o gatilho mental da curiosidade no usuário por meio da escrita.

 

2.  “Descubra qual funil de vendas”

 

Print de tela do Instagram da HeroSpark.

Esse é um outro exemplo super relevante para você aplicar o gatilho mental da curiosidade no seu negócio. É interessante perceber que, ao ler a palavra “Descubra”, você já fica curioso para saber do que se trata o post, não é mesmo?

Essa palavra vem sempre acompanhada de algo mais, como: descubra o que, descubra qual, descubra isso… Geralmente, com a intenção de que o leitor fique interessado em clicar ou abrir o post para entender do que se trata o assunto.

Neste post da Hero, a primeira imagem do carrossel contém a seguinte frase: “Descubra qual funil de vendas te levará ao 6 em 7 em 2022 e crie de graça na HeroSpark”. 

Provavelmente, ao ler essa frase, você vai querer saber como alcançar um faturamento alto com as suas vendas, correto? Portanto, o gatilho da curiosidade conseguiu atrair você e seu interesse pelo assunto. 

Esse exemplo pode ser perfeitamente usado no seu negócio adaptando para o seu nicho e seu tipo de cliente.

 

3. “Conheça a jornada do cliente”

 

Print de tela do Instagram da HeroSpark.

 

Esse é um exemplo perfeito de gatilho mental da curiosidade, porque ele chama o usuário para conhecer um assunto que é do interesse dele, mas que ele talvez ainda não soubesse.

Nesse caso, a HeroSpark convoca o usuário através da curiosidade: “Conheça a jornada dos seus clientes e veja suas vendas decolarem”.

Pode ser que o usuário nem soubesse que existia uma jornada do cliente, mas, por meio dessa novidade, é possível que exista um interesse maior no assunto.

Percebeu como é possível, por meio do gatilho mental da curiosidade, despertar o interesse do seu cliente? O ato de ficar curioso surge em decorrência da brecha entre o que já sabemos e o que desejamos saber. 

Pensando nisso, a HeroSpark está disponibilizando, de forma gratuita, o e-book: “Glossário do Marketing Digital”. Baixe-o agora mesmo e comece a aplicar muitas estratégias de sucesso no seu negócio!

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.