Você se lembra do tempo em que era comum as pessoas comprarem revistas para aprender crochê e artesanato nas bancas? Tínhamos também os livros de receitas, que muitas vezes eram enviados de presente na compra de eletrodomésticos, por exemplo. 

Hoje, esses conteúdos se adaptaram ao meio digital. Assim, além dos influenciadores digitais, os e-books se tornaram formatos acessíveis para quem quer aprender a cozinhar ou fazer artesanato.

Por isso, se você atua em um desses nichos, saiba que a produção de um livro digital pode ser uma boa estratégia para impulsionar o seu negócio

Para te ajudar nisso, você vai descobrir, neste artigo, por que e como criar um e-book de gastronomia ou artesanato. Continue conosco para decolar rumo ao sucesso!

 

Por que criar um e-book de gastronomia ou artesanato?

Produzir um e-book é uma ótima forma de alavancar as vendas de qualquer negócio. Porém ainda existe certa resistência por parte de alguns nichos, principalmente aqueles cujo conteúdo é bastante visual ou a audiência costuma dar prioridade aos vídeos. 

No caso dos nichos da gastronomia ou artesanato, sabemos que muitas pessoas acabam priorizando o conteúdo em vídeo, uma vez que é um formato rápido e fácil de consumir. 

No entanto, a produção de um e-book sobre esses assuntos pode ser muito interessante para o seu negócio e uma ótima estratégia para se destacar entre os concorrentes. 

Sendo assim, listamos alguns motivos para você entender que criar um e-book de gastronomia ou artesanato vale a pena sim. Confira!

 

Aumentar a autoridade

O objetivo de muitas marcas é se tornar uma referência em suas áreas de atuação, ou seja, uma autoridade no mercado. 

Contudo, autoridade é algo que se constrói com um conteúdo de qualidade e rico. Além disso, é um processo demorado e que exige muita dedicação e constância. 

Felizmente, a produção de um e-book pode te ajudar nesse processo. Afinal, se você produzir um livro digital de qualidade, as chances de conquistar sua audiência aumentam e, consequentemente, seus clientes também. 

Algumas dicas para tornar seu e-book mais atrativo são:

  • Compartilhe dados de fontes confiáveis;
  • Insira imagens;
  • Faça tutoriais;
  • Compartilhe informações históricas sobre o assunto do e-book;
  • Cite atualidades e curiosidades sobre o tema;
  • Dê dicas de conteúdo, cursos, eventos etc.
  • Use sua criatividade.

 

Trabalhar com o que gosta

Produzir conteúdo de gastronomia e artesanato, além de ser algo lucrativo, pode ser muito prazeroso. Logo, quando você produz algo que gosta, o conteúdo fica muito mais autêntico. 

Dessa forma, sua audiência ficará cada vez mais envolvida no seu trabalho, pois verá seu empenho e dedicação em oferecer o melhor para eles. 

 

Aumentar a receita do seu negócio

Se você costuma gerar renda apenas com a venda dos seus produtos artesanais e gastronômicos, pode expandir suas possibilidades de ganhos com e-books. Isso porque você pode disponibilizar esse conteúdo de forma paga

Algumas dicas para aumentar a receita do seu negócio com um e-book são:

  • Crie um clube de assinatura e forneça e-books exclusivos aos inscritos;
  • Comece um programa de afiliados e alcance um público maior;
  • Publique e divulgue o seu e-book em plataformas digitais, como a HeroSpark.

 

Alcançar mais pessoas

Segundo uma pesquisa realizada pela Bookwire, a pandemia impulsionou as vendas de e-books. Pensando nesse ponto, criar um e-book de gastronomia ou artesanato aumenta o alcance do seu negócio, visto que é um formato que tem se tornado cada vez mais popular. 

 

O que deve ter em um e-book de artesanato?

Em um e-book de artesanato é importante que tenha algumas informações, como:

  • Passo a passo detalhado e com imagens;
  • Dicas de precificação;
  • Sugestões de lojas para comprar itens;
  • Dicas de reciclagem;
  • Explicar como funciona os detalhes de algumas técnicas;
  • Dicas de como vender e divulgar os produtos;
  • Sugestões de sites e redes sociais para se inspirar.

 

Imagem ofertando o e-book gratuito de funis americanos

O que deve ter em um e-book de gastronomia?

Já em um e-book de gastronomia, você pode inserir alguns tópicos semelhantes ao de artesanato e adaptá-los, como:

  • Passo a passo da receita bem detalhada;
  • Dicas para escolher os itens da receita de maior qualidade;
  • Sugestões de sites e redes sociais para se inspirar;
  • Tabela nutricional;
  • Possíveis substituições dos itens da receita;
  • Informações técnicas e curiosidades sobre o conteúdo do e-book. 

 

Como criar um e-book de gastronomia ou artesanato em 6 passos

Como você já sabe que vale a pena criar um e-book de gastronomia ou artesanato, preparamos um passo a passo detalhado para ajudá-lo a criar o seu primeiro livro digital. Vamos lá?

 

 

1. Realize uma pesquisa

Antes de iniciar a produção do seu e-book, procure por referências e pesquise a fundo sobre o tema que deseja tratar. É interessante que você realize três tipos de pesquisa: 

  • Foco no design: pesquise por e-books para inspirar o design do seu produto. Porém apenas se inspire, não faça cópias!
  • Foco no conteúdo: pesquise notícias, sites, livros e outros materiais na internet que possam ser úteis para o seu material. 
  • Foco nas imagens: pesquise imagens para o seu e-book, mas procure imagens em banco de dados gratuitos, como o Freepik

 

2. Comece a produção

A escrita do e-book é uma das partes mais importantes dessa etapa. Por isso, para ter sucesso em sua redação, procure realizar um esqueleto do conteúdo. Separe seu e-book em tópicos e subtópicos. Assim fica mais fácil você se organizar enquanto escreve. 

 

3. Monte no Canva

O Canva é uma ferramenta incrível de design gráfico. Nele, você pode criar diversas peças de forma gratuita e deixá-las com cara de profissional. Além disso, na própria plataforma, você pode criar a capa do seu e-book, toda sua estrutura e diagramação. 

Se quiser saber mais sobre o assunto, temos um artigo com um passo a passo completo que explica como fazer um e-book no Canva

 

4. Insira ilustrações

As ilustrações são fundamentais e fazem a diferença em qualquer material. Portanto, faça uma curadoria de todas as imagens que você separou no primeiro passo. Escolha aquelas que mais se encaixam com os tópicos abordados no seu e-book e insira no conteúdo. 

Vale dizer que o próprio Canva disponibiliza muitas imagens e vetores gratuitos. Assim, você pode procurar imagens e ilustrações sobre gastronomia e artesanato por lá também. 

 

5. Precifique

O preço é uma etapa importante na hora de criar um e-book. Mas é preciso que você tome cuidado para não cobrar um valor muito abaixo e nem muito alto. 

Se você cobrar pouco pelo seu produto, não irá lucrar como gostaria. Ao passo que se cobrar um valor muito alto, você irá afastar seu público. 

Por isso, algumas dicas são importantes nesta etapa, como:

  • Estude bem seu público-alvo;
  • Entenda quanto eles estão dispostos a pagar;
  • Pesquise o valor dos seus concorrentes;
  • Sempre calcule seus gastos no processo.

Caso queira saber mais detalhes, confira nosso artigo “Como precificar um produto digital?”.

 

6. Hospede em uma plataforma

A escolha da plataforma para hospedar seu conteúdo é uma etapa importante do processo. Afinal, será por intermédio dela que seus clientes terão acesso ao seu conteúdo. 

Em vista disso, quanto mais completa for a sua plataforma de hospedagem, maiores serão as chances de aumentar seus lucros. 

Por isso, saiba que na plataforma da HeroSpark você pode publicar seu e-book e realizar todo o processo de divulgação e vendas em um só lugar e gratuitamente. 

Portanto, não perca mais tempo e hospede seu e-book na HeroSpark agora mesmo! 

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.