Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade!

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


Google Keyword Planner: o que é e como usar?

Google Keyword Planner_HeroSpark

Você sabe como encontrar a palavra-chave certa para as suas estratégias de tráfego orgânico e pago? Então, é necessário conhecer o Google Keyword Planner. Essa ferramenta é essencial para identificar qual é a intenção de busca dos seus potenciais clientes.
Isso porque, é possível utilizá-la para fazer pesquisas relacionadas às palavras-chave que as pessoas mais usam nos mecanismos de busca para procurar uma solução para os seus problemas do dia a dia.
Temos certeza de que você já utilizou o Google para pesquisar sobre uma receita de bolo, um artista favorito ou um curso online que desejava fazer, não é verdade? Isso acontece com todo mundo.
Portanto, com o Keyword Planner você tem subsídios para criar campanhas de marketing digital mais eficientes, ou seja, que atraiam as pessoas certas por meio dos textos do seu blog e dos seus anúncios veiculados no Google.
Quer saber o que é essa ferramenta e como usá-la? Então, continue a leitura e confira todas as informações que separamos para você. Vamos lá!

O que é o Google Keyword Planner?

O Google Keyword Planner, também conhecido como planejador de palavras-chave, é uma ferramenta do Google que ajuda a planejar os conteúdos que serão veiculados no seu blog e nos seus anúncios.
Isso porque ele apresenta de maneira gratuita o comportamento das keywords de acordo com a intenção de busca dos usuários da Internet. Assim, é possível encontrar as palavras-chave certas para as suas estratégias tanto de tráfego orgânico quanto de tráfego pago.
As principais informações que podem ser coletadas por meio do Keyword Planner são o número médio de pesquisas por palavra-chave, a concorrência, o valor por clique, as variações de termos, entre outros detalhes que podem ajudar a direcionar as suas campanhas de marketing.
Então, se você quer que os seus blog posts fiquem na primeira página da SERP do Google, precisa usar essa ferramenta para ver quais são as keywords mais estratégicas. Já que é por meio delas que as pessoas pesquisam soluções na Internet.
Além disso, as técnicas de SEO dependem muito do planejador de palavras-chave, pois  ajuda a determinar as palavras que serão utilizadas nas estratégias on page e off page. Ou seja, elas são usadas tanto no conteúdo quanto na estrutura do seu blog ou site.

 

Para saber mais sobre SEO, veja:

 

Como usar o Google Keyword Planner?

Como vimos, para você conseguir se destacar na primeira página do Google é necessário dedicar um tempo na pesquisa das palavras-chave. Por isso, é essencial que você saiba como utilizar o Google Keyword Planner.
Pensando em ajudar nesta tarefa, separamos aqui um passo a passo para você conseguir fazer suas pesquisas de maneira otimizada. Lembre-se de que a ferramenta é gratuita e fácil de usar. Acompanhe!

67 headlines para páginas de vendas

Faça o cadastro no Google Ads

Para ter acesso ao Keyword Planner é necessário criar uma conta do Google Ads. Diante disso, você precisa acessá-lo e clicar em “Começar agora”. Em seguida, insira o seu login e senha do Google, bem como preencha todas as informações solicitadas para configurá-lo.
Diante disso, você precisa adicionar as informações do seu negócio. Vale lembrar que essa ferramenta é gratuita, mas se você usá-la para fazer anúncios deve-se pagar por isso. Nesse caso, é necessário efetuar o pagamento de acordo com os cliques recebidos no seu ads.
Após fazer esse cadastro no Google Ads, é possível acessar o planejador de palavras-chave para efetuar as suas pesquisas. Mas isso é assunto para o próximo tópico. Vamos lá!

Acesse o Google Keyword Planner gratuito

O próximo passo é acessar o Google Keyword Planner. Para isso, clique no item “Ferramentas” localizado no menu do Google Ads e, em seguida, clique em “Planejador de palavras-chave”. Feito isso, clique na opção “Descobrir novas palavras-chave”.
Nessa opção você consegue encontrar as keywords ou termos mais utilizados pelas pessoas para fazer pesquisas no Google. Você pode escolher pesquisar por frase ou por site. Vale destacar que no caso do site é possível conferir a performance das palavras utilizadas pela concorrência.
O ideal é usar todas essas opções de pesquisa, assim você tem um panorama mais claro das palavras-chave que pode utilizar no seu conteúdo e nas suas campanhas de marketing digital tanto orgânica quanto paga.
Lembre-se de que antes de pesquisar você precisa pensar em quais termos as pessoas que estariam procurando o seu produto ou serviço usariam no Google. Por exemplo, se elas querem aprender a tocar violão, elas podem procurar por “como tocar violão”, “passo a passo para tocar violão”, “aulas de violão”, “curso online de violão”, entre outros.
Com essas informações, fica mais fácil usar o planejador de palavras-chave de maneira mais eficiente. Portanto, ele é uma ferramenta que pode auxiliar você a usar os termos certos. Já que pode ser que alguma das keywords que pensou não seja procurada pela sua audiência.
Vale destacar que existe opção para você salvar as palavras-chaves pesquisadas ou fazer uma lista de keywords negativas, ou seja, que não quer que apareça nas pesquisas futuras.

Analise os resultados da pesquisa

Após fazer a pesquisa, você obtém alguns dados importantes que precisam ser analisados para que possam ser utilizados na construção das suas campanhas de marketing digital. Dentre esses dados podemos destacar:

 

  • média de pesquisas mensais: representa o nível de popularidade da palavra-chave. Já que esse é o número médio de pesquisas mensais realizadas nos últimos doze meses. Normalmente, ele não é exato, por exemplo, você pode encontrar uma keyword com uma média de 100 – 1 mil ou de 10 mil – 100 mil;
  • ideias de palavras-chave: são variações da palavra-chave pesquisada, por isso aparecem abaixo dela. Elas também apresentam a média de pesquisas mensais, a concorrência e o lance sugerido;
  • concorrência: representa o nível de concorrência baseado no número de anunciantes que exibiram o anúncio com esse termo. Esse nível pode variar entre baixo, médio ou alto;
    lance sugerido: ele apresenta o valor mínimo e máximo dos custos por clique que os anunciantes estão pagando para aquela palavra-chave.

 

Com essas informações, fica mais fácil distribuir as palavras-chave de acordo com as etapas do funil de conteúdo (topo, meio e fundo do funil). Assim como esses dados ajudam a decidir quais são os termos que têm mais chances de serem ranqueados.
Por exemplo, keywords com muita concorrência são mais difíceis de ranquear. Por outro lado, aquelas que têm alto volume de buscas (média de pesquisas mensais) e baixa concorrência apresentam maior probabilidade de ranqueamento. Diante disso, você precisa pensar nesses fatores no momento de finalizar a escolha das suas palavras-chave.
Lembre-se de que nas primeiras campanhas o ideal é usar long tail, ou seja, termos mais específicos, como curso online de violão da fulana. Mas, é sempre bom variar com head tail que, por sua vez, são palavras mais genéricas, como violão.

Como utilizar os resultados obtidos no Keyword Planner?

Você pode utilizar os resultados das pesquisas no Google Keyword Planner tanto para criar campanhas de anúncios no Google Ads quanto para elaborar blog posts para obter tráfego orgânico para o seu site ou blog.
Portanto, depois que você já sabe quais são as palavras-chave mais relevantes para o seu negócio digital. É possível criar um planejamento para aproveitá-las no seu marketing de conteúdo.
Para isso, elabore uma planilha com as palavras-chave e a quantidade de volume de buscas. Em seguida, separe as que podem ser usadas no topo, no meio e no fundo do funil. Feito isso, faça as pautas, ou seja, crie um título, escolha a CTA e descreva o direcionamento do texto para que o redator possa elaborar o blog post.
Lembre-se de que nesse momento é essencial utilizar técnicas de SEO. Dessa forma, você consegue transformar a sua pesquisa em um texto que chamará a atenção das pessoas que estão no Google procurando uma solução para os seus problemas.
Essa é uma estratégia muito boa para atrair potenciais clientes de maneira gratuita. Lembre-se de que você também pode fazer campanhas de anúncios, mas elas devem ser pontuais. Isso porque, essa ação apresenta um custo elevado, pois é necessário pagar sempre que uma pessoa clica no seu ads.
Agora que você já sabe o que é como usar o Google Keyword Planner, fica mais fácil utilizar essa ferramenta no seu dia a dia para criar suas campanhas de marketing digital. Dessa forma, suas chances de obter sucesso são maiores.Se você gostou deste conteúdo e gostaria de conferir mais textos sobre este tema. Que tal nos seguir no Instagram? Assim, você poderá acompanhar todas as novidades que postamos diariamente.

pesquisa panorama dos negócios digitais

Mais artigos para você

StreamYard: como usar [passo a passo]

Você costuma fazer apresentações ao vivo? Então, precisa conhecer e aprender como usar o StreamYard. Essa plataforma tem uma versão …

Marketing digital: como funciona e estratégias infalíveis

Os avanços tecnológicos e a chegada da Internet possibilitaram a criação de novas estratégias. Dentre elas podemos citar o marketing …

Rede de display: o que é e como criar uma campanha?

Sabe aqueles anúncios que aparecem em formato de banner nas laterais, no rodapé ou no topo de sites, vídeos e …

Screencast: o que é e quais ferramentas usar

Você sabe o que é um screencast? Essa técnica pode ser extremamente útil para a sua estratégia de vídeos.  Os …

Lista de leads: o que é e 6 passos para montar

Uma das premissas básicas para obter sucesso no marketing digital é ter uma lista de leads qualificados. Este é um …

SEO para YouTube: 5 dicas para se destacar

Se você quer que seus vídeos tenham um ótimo desempenho, precisa investir em estratégias de SEO para YouTube. Isso porque …