Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade!

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


LinkedIn Ads: por que e como criar anúncios na rede social

LinkedIn Ads

Quando falamos em redes sociais, qual é a primeira que vem à sua mente? Provavelmente, não é o LinkedIn, certo? Existe um erro de imaginar esta rede como um grande banco de currículos online. Porém, ele é muito mais que isso e o LinkedIn Ads não pode ser deixado de lado na sua estratégia.

 

Esse canal é ideal para realizar o marketing digital B2B e para criar relacionamento com outros empreendedores e potenciais clientes. Por ser menos explorada, é esperado que o seu anúncio tenha ainda mais destaque nela.

 

Quer entender, por meio de dados, os motivos para utilizar o LinkedIn Ads? Continue a leitura e confira.

 

Por que criar anúncios no LinkedIn Ads?

 

Fortalecimento da marca

 

O LinkedIn Ads é a plataforma que permite fortalecer a presença da marca nesta rede social. Assim, além do tráfego — que é poderosíssimo no LinkedIn — ainda é possível destacar-se por meio dos anúncios.

 

Apesar da maioria das pessoas acreditarem que o Google ou o Facebook são mais eficientes, devemos ressaltar que nem sempre isso é verdade. Essas redes são mais populares, mas não quer dizer que a maioria do seu público esteja nelas.

 

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

 

Eficácia das campanhas

 

O LinkedIn tem se mostrado muito eficiente, principalmente para relacionamentos B2B. De acordo com a Hubspot, esta rede é 277% mais eficaz para gerar leads do que o Facebook e o Twitter.

 

Isso acontece porque as pessoas ingressam nesta rede social profissional focada em negócios, diferente das redes mais visuais que são utilizadas para o entretenimento. Então, investir em anúncios vai melhorar ainda mais o seu desempenho.

 

Como o Brasil tem poucas pessoas apostando no LinkedIn, este é o momento da sua empresa se destacar com um pequeno investimento em anúncios e obter leads qualificados. 

 

Diferentes objetivos

 

No momento de criação da campanha, a plataforma questiona qual é o seu objetivo com aquele anúncio. Sendo assim, diferente de outras redes sociais que o público atingido é, em sua maioria, de topo de funil, o LinkedIn pode trazer uma boa quantidade de público que esteja em estágios mais avançados.

 

Por isso, é importante observar o Custo de Aquisição de Cliente (CAC) de cada rede social, uma vez que, raramente, as métricas de engajamento refletem o retorno do investimento que foi feito no anúncio.

 

Como criar anúncios no LinkedIn Ads

 

Para utilizar o LinkedIn Ads é preciso ter uma página corporativa — LinkedIn Company Page. Para criá-la, basta seguir os passos:

 

  • Acesse a sua página pessoal e clique em “Soluções” > “Crie uma Company Page”;
  • Selecione o tipo de página que mais combina com o seu negócio;
  • Preencha os campos solicitados e finalize.

 

Depois de ter a página pronta, acesse o Gerenciador de Campanhas para definir o nome da conta, a moeda — escolha Brasil, Real (BRL) — e o link da sua LinkedIn Page. Após isso, clique em “Criar conta”.

 

A partir de agora, você vai construir o anúncio e cada etapa deve ser bem pensada para que o orçamento seja utilizado corretamente. Então, entre as opções apresentadas pelo gerenciador, escolha o objetivo que mais se adequa ao que você deseja alcançar, como:

 

 

Depois, escolha o seu público-alvo, o que envolve uma segmentação completa. Tenha muita atenção nesta etapa, pois quanto mais precisa for a sua segmentação, mais leads qualificados serão atraídos.

 

O LinkedIn permite fazer diferentes anúncios, como em vídeo, em texto, em imagem, em carrossel, entre outros. Então, chegou o momento de tomar essa decisão.Vale ressaltar que é importante decidir com base no que a sua audiência mais consome.

 

Por fim, transfira para a plataforma o anúncio que está na sua mente. O título deve ter, no máximo, 25 caracteres e o corpo do texto, 75 caracteres. Então, seja objetivo e utilize as técnicas de copywriting para chamar a atenção do seu público. Veja mais dicas sobre o assunto neste vídeo 

 

 

Agora, escolha a forma de pagamento que, assim como na maioria dos gerenciadores de anúncios, pode ser:

 

  • Custo por clique (CPC);
  • Custo por mil (CPM).

 

Cabe a você definir o que vai ser mais vantajoso, tendo em vista diferentes fatores do seu anúncio. Com isso, defina também o orçamento que será investido. Recomendamos iniciar com um valor baixo como forma de entender o funcionamento da campanha e otimizar a sua estratégia no futuro.

 

Como otimizar as campanhas?

 

Realizar segmentação

 

O LinkedIn permite fazer uma segmentação completa, além de informações básicas, como gênero e idade. Assim, sua campanha ficará bem direcionada. Veja algumas opções que você pode incluir:

  • Localização;
  • Setor da empresa;
  • Cargo;
  • Instituições de ensino;
  • Grupos que a pessoa participa;
  • Tempo de experiência;
  • Formação profissional.

 

Isso permite que o seu anúncio seja mostrado diretamente para a persona e o seu orçamento será aproveitado da maneira mais eficaz possível. 

 

Explorar o formulário de geração de leads

 

Em alguns casos, você precisa coletar informações dos usuários, mas sabemos que o preenchimento de muitos dados podem acabar desmotivando as pessoas a responderem o seu formulário.

 

Por isso, o LinkedIn disponibiliza um modelo de formulário no qual as principais informações do visitante já vêm preenchidas. Dessa forma, ele tem menos espaços para inserir os seus dados, o que aumenta a quantidade de respondentes.

 

Fazer testes

 

As mídias digitais permitem realizar o monitoramento das métricas. Assim, o empreendedor consegue realizar comparações e entender como ter campanhas com maiores taxas de conversão.

 

Por isso, não tenha medo de realizar testes e fazer mudanças em seus anúncios, pois é isso que vai otimizar os resultados. O LinkedIn Ads disponibiliza as informações de cada publicação para que você saiba qual foi o desempenho delas.

 

Se você perceber que não está atingindo o que era esperado, é importante modificar o anúncio, até chegar no modelo que mais converte. Com o tempo, você já vai conhecer o que chama — ou não — a atenção de seus leads.

 

O LinkedIn Ads tem um alcance surpreendente e pode ser um diferencial para o seu negócio, tendo em vista que, no Brasil, poucos players exploram esta rede social. Inclua-a no seu Plano de Mídia e analise os resultados que serão obtidos.

 

Falando nisso, nós postamos conteúdos periodicamente no nosso LinkedIn. Conecte-se conosco para aprender mais!

 

Mais artigos para você

Negócios online: 11 dicas para ser um empreendedor de sucesso

De todas as maneiras pelas quais você pode desenvolver o seu produto ou serviço, levar os negócios para o online …

Análise SWOT: exemplo de como fazer no seu negócio digital

Se você está procurando uma ferramenta para ajudar na construção de um planejamento estratégico mais assertivo, que tal usar a …

Memes no marketing digital: como usar e exemplos

Imagens, vídeos, frases e outras mídias ressignificadas com alcance viral: por que usar memes no marketing digital não seria uma …

Ensino híbrido: como iniciar na sua escola

O ensino híbrido é uma das grandes apostas da educação para o século XXI. Embora tenha surgido antes da pandemia …

Como empreender do zero: veja o passo a passo

Se você deseja ter seu próprio negócio, mas ainda não sabe como, o empreendedorismo digital é uma ótima saída para …

O que é Análise SWOT e por que utilizar no negócio digital?

Se você pretende ingressar no mundo do empreendedorismo digital, precisa conhecer todas as ferramentas e as técnicas de gestão existentes …