Você já pensou em incluir um canal do Youtube na sua estratégia de marketing como meio de alavancar seus resultados? O Brasil está no top 3 dos países onde mais se utiliza a plataforma, perdendo apenas para os EUA e Rússia, então é um bom momento para começar. 

 

Cada estratégia tem uma infinidade de atributos — inbound marketing, marketing de guerrilha, marketing social, marketing viral, marketing de produto, entre outros. 

 

Os vídeos fazem parte de vários tipos de marketing como esses e, aliado ao fato de que, entre 2014 e 2018, o consumo deles na internet cresceu 135%, fica fácil entender por que vale a investir no Youtube.

 

Mas a dinâmica não é só gravar e subir o vídeo na plataforma. O estudo das melhores práticas de vídeo marketing envolvem parcerias, otimizações, análises de insights e muito mais.

 

Leia o artigo completo para entender porque é possível e inteligente incluir um canal do Youtube em uma estratégia de marketing!

 

Como incluir um canal no Youtube na sua estratégia de marketing

Tutoriais diversos, gameplays, vlogs… há exemplos de vídeos de sucesso para todos os públicos, desde os mais neutros até os mais improváveis. Nem ao menos tentar criar conteúdo para este site é literalmente deixar dinheiro na mesa. 

 

Mas é hora de mudar e aprender a melhor forma de incluir o Youtube como parte do seu marketing digital:

Descubra os melhores conteúdos considerando seu nicho e persona

O que motiva o seu público? Que problemas seus futuros visualizadores costumam enfrentar? Quem é a persona da sua marca? Seu canal deve ser baseado nisso. Mais detalhadamente, descubra a média de minutos de vídeo que sua audiência prefere assistir, assim como a frequência de postagem.

 

Uma pesquisa de 2018, do próprio Youtube, identificou que 38,7% dos brasileiros acessam a plataforma para fins de entretenimento. Em segundo lugar, na proporção de 29,8%, buscam conhecimento. Uma das saídas, portanto, seria produzir conteúdo informativo, mas de forma dinâmica e divertida para atingir um pouco desse objetivo de entretenimento. 

Grave bons vídeos

Da mesma forma que existe todo um cuidado ao publicar um e-book bem escrito, um artigo de blog bem estruturado e um carrossel do Instagram bem esquematizado, a qualidade da gravação de cada vídeo tem bastante peso no canal como um todo. 

 

Confira este vídeo para mais dicas:

 

 

Local de filmagem apropriado

Reflita: o que os vídeos mais memoráveis, para você, do Youtube, têm em comum? Provavelmente um bom cenário ou local de filmagem está incluso. Busque ter esse cuidado também e saiba que não precisa ter um estúdio profissional, na própria internet há muitas dicas para improvisar esse local. 

 

Edição adequada

Mesmo os vídeos minimamente editados, como os do Whindersson Nunes, que é o maior youtuber do país, com 41,4 milhões de inscritos, passam por um aprimoramento em um software. De novo, você não precisa gastar com programas caros

 

Foque em atrair mais inscritos

Conteúdos de atração, isto é, de topo de funil, são extremamente necessários em toda estratégia de marketing, especialmente para a geração de leads. Da mesma forma, atrair um público maior é também uma prioridade no Youtube.

67 headlines para páginas de vendas

 

Você também pode expandir sua audiência por meio da integração do seu canal de vídeos com seus outros canais digitais (como landing page, newsletter e anúncios), gravação de collabs e lives com parceiros e divulgação em grupos e fóruns apropriados, isto é, com interesse no seu tipo de conteúdo.

Adicione tela de sugestão de mais vídeos

Ao final de cada vídeo, há a opção de mostrar uma tela que dura 5 a 25 segundos com links para outros vídeos ou playlists. Não desperdice essa oportunidade: evite mostrar que o conteúdo acabou com um “espero que tenha ajudado” ou “até a próxima” e, no lugar, vá direto ao assunto deste próximo vídeo que está linkado.

 

 

Utilizando anúncios para incrementar a estratégia

Se você tiver condições de investir financeiramente para potencializar seus resultados, faça-o. Em vez de criar um canal do zero, ou mesmo tendo um que ainda não recebe tanta dedicação, divulgue seus conteúdos e produtos pelos anúncios em vídeos que aparecem ao público da plataforma. 

 

Para isso, siga estes passos iniciais:

 

  • Entre na sua conta do Google Ads;
  • Crie a campanha e escolha “Tráfego” como objetivo;
  • Opte pela campanha em “Vídeo” e escolha o Youtube.

A seguir, você tem mais funcionalidades para escolher: se seu anúncio poderá ser pulado por quem não se interessa a assisti-lo, se o ad não será em vídeo, mas um banner abaixo de um vídeo, entre outros.

 

criar e vender cursos online no sparkmembers

 

Como medir os resultados

Ao incluir um canal do Youtube na sua estratégia de marketing, você também terá uma ótima ferramenta ao seu lado: Youtube Analytics. Meça os resultados do canal a partir destes três tipos de métricas:

 

  • Alcance

Engloba as impressões, taxa de cliques (essencial se você quer direcionar tráfego do vídeo para o blog, por exemplo), visualizações e origem do tráfego. Assim, quanto mais alto esses números, melhor.

 

  • Envolvimento

No geral, é mais relevante que as de alcance. Informa o tempo de exibição de cada vídeo, curtidas, compartilhamentos, entre outros. Também revela por quanto tempo os usuários costumam assistir um vídeo antes de fechá-lo, que deve estar entre 50-60% do vídeo. 

 

Esse é um tipo de métrica de bastante peso para o algoritmo de ranqueamento do Youtube, que prioriza o envolvimento em detrimento do alcance, já que eles mesmos indicam vídeos aos usuários, segundo Luke Sherran, especialista de marketing da empresa. 

 

  • Público

Exibe gênero, idade, localização e tipo de dispositivo utilizado para acessar o seu canal. Leve esses dados em conta também para entender o que seus visualizadores mensais querem assistir.

 

Incluir um canal do Youtube na sua estratégia de marketing pode ser, por um lado, um desafio a mais no marketing digital, mas, por outro, a vitória na qual você tinha tanta expectativa. Por meio dele, você pode se validar como empreendedor digital que engaja o público e conquista ações lucrativas.

 

Sabe de que outra forma você pode inovar sua estratégia de marketing? Tendo uma área de membros só para o seu público. Confira o SparkMembers gratuitamente hoje mesmo!

 

  

pesquisa panorama dos negócios digitais