Identidade visual profissional: como criar e impactar os clientes em 2023!

Identidade visual profissional: como criar e impactar os clientes em 2023!

Se você é um produtor de conteúdo, provavelmente já ouviu falar sobre a identidade visual profissional de uma marca, não é? Afinal, esse conjunto de elementos visuais te ajuda a identificar e diferenciar a sua marca dos concorrentes. 

Mas você sabe tudo o que compõe a identidade visual de uma marca? Muitos ainda acham que isso se limita à logomarca, mas essa ideia é equivocada.

A identidade visual é muito mais complexa e essencial para o seu negócio e, por isso, deve estar presente em todos os seus materiais publicitários.

Para conhecer um pouco mais sobre a identidade visual profissional e impactar os seus clientes em 2023, acompanhe o nosso artigo. Boa leitura!

O que é identidade visual profissional?

A identidade visual profissional é um conjunto de elementos visuais que define uma empresa ou um produto. Ou seja, é tudo aquilo que te remete a uma empresa quando você bate o olho em qualquer material publicitário. 

No geral, a identidade visual é composta por itens como:

  • Conceito (que orienta todos os elementos seguintes);
  • Logotipo;
  • Tipografia;
  • Cores. 

Como você pode ver, o logo é apenas uma parte da identidade visual, que é muito mais ampla e tem uma proposta de orientar todos os materiais feitos sobre uma empresa. (Vamos falar disso mais adiante!) 

E já que é para fazer dessa identidade um ponto de partida para o crescimento da sua marca, que tal investir em mais estratégias de marketing online

No blog da HeroSpark você pode descobrir todas as vantagens dessas estratégias e ver as nossas sugestões!

Por que criar uma identidade visual profissional para o seu negócio digital?

O principal motivo para criar uma identidade visual profissional é possibilitar que os clientes identifiquem o seu negócio entre os concorrentes. 

Sim, quando você consegue perceber um padrão nas peças publicitárias, isso quer dizer que a marca trabalha bem a sua identidade. Sem dúvida, a equipe de marketing não só criou um manual de marca extenso, como o segue à risca.

Por isso, tire um tempo para pensar estrategicamente na identidade visual da sua empresa. A seguir explicamos o que não pode faltar na construção dessa identidade.

O que não pode faltar na sua identidade visual?  

Conceito claro 

O conceito é o elemento mais importante, pois é ele quem direciona a decisão de todos os elementos tendo como base os valores da empresa. 

Por exemplo: um produtor de e-books ou cursos online pode querer transmitir na sua identidade visual conceitos como:

  • Tecnologia;
  • Objetividade;
  • Foco em resultados.

Assim, os consumidores podem identificar de imediato a sua marca e, consequentemente, desejarem adquirir os seus serviços e produtos.

Mas você sabe o que é essencial para construir um conceito claro para a sua marca? 

Persona

A persona é um personagem semi-fictício que a marca cria quando pretende clarificar dados e comportamentos reais dos seus potenciais clientes. 

Para serem mais específicas ao definirem a sua persona, algumas empresas criam descrições mais longas sobre o seu cliente ideal. 

Para saber mais sobre como criar a sua persona, você pode ler o nosso artigo de blog específico sobre este assunto.

Símbolos

A identidade visual deve trazer símbolos que transmitem os valores éticos da empresa e/ou a experiência de consumo que você pretende oferecer aos clientes.

O objetivo é que o máximo de pessoas consiga reconhecer a empresa nos símbolos que compõem a sua identidade visual profissional.

Inspirações

São valores, símbolos e sensações extraídos de filmes, hobbies das personas, séries e muito mais. O importante é se inspirar nesses elementos para construir uma identidade única!  

Uma vez definido o conceito da marca, você vai poder definir os próximos elementos que compõem a sua identidade visual.

Tipografia diferenciada

A tipografia consiste nos estilos, formatos e efeitos visuais aplicados nas palavras. Tudo isso dará “vida” ao texto, transmitindo ideias ou sentimentos relacionados com a marca.

Existem milhares de fontes disponíveis gratuitamente na internet e, com alguma pesquisa, você vai conseguir encontrar a que melhor se comunica com a sua audiência! 

Mais adiante vamos apresentar algumas tipografias mais utilizadas pelos infoprodutores.

Cores e formas estratégicas

As cores e as formas transmitem ideias e geram emoções de forma mais imediata que as fontes.

acelerador digital

Afinal, para perceber cores e formas, o nosso cérebro age mais rapidamente, pois não temos de fazer uma leitura das palavras.

Mais abaixo apresentamos os significados das principais cores e formas para te ajudar a combiná-las quando for criar a sua identidade visual.  

O logo é o elemento mais lembrado de uma identidade visual profissional, pois só nele se reúnem todos os elementos citados anteriormente.

Cores, formas, tipografias e conceito devem ser combinados com coerência para transmitirem os valores de uma marca instantaneamente.

E se você quiser algumas ideias para te inspirar na criação da sua logo, pode ler nosso artigo sobre logos de marketing digital

Como criar uma identidade visual profissional?

Agora que você já sabe tudo o que compõe uma identidade visual profissional, é hora de conhecer um passo a passo simples para criá-la!

1. Defina o seu público

O primeiro passo é conhecer a quem você se dirige. Afinal, se você não souber com quem está falando, como vai saber o que quer transmitir? Por isso é essencial criar uma persona

Se estiver um pouco perdido nesse passo, dê uma olhada no público do seu concorrente por meio das redes sociais. 

Mas atenção: isso serve apenas como um ponto de partida para descobrir mais sobre o seu público. É preciso analisar as necessidades do seu negócio para se diferenciar dos outros.

2. Faça um brainstorming

Debater ideias é essencial para entender aonde quer chegar com a sua marca e o que quer transmitir para o seu público.

Assim, durante as reuniões de brainstorming para construir a sua identidade visual, a personalidade da marca deve ser o fator mais discutido.

Para quem não sabe, a personalidade da marca engloba diversos aspectos, como: 

  • O seu tom de voz;
  • Os valores que quer transmitir;
  • O diálogo que pretende criar com o público;
  • O seu diferencial em relação aos concorrentes, o que a torna autêntica.

Nesse sentido, a identidade visual deve conseguir transmitir essa personalidade de forma instantânea, fazendo uso dos elementos que citamos anteriormente. 

Por outro lado, as marcas que falam muito com textos e vídeos, mas que não mantêm uma identidade visual uniforme, tendem a não despertar confiança no público.

Afinal, essas marcas não “embalam” um diálogo coerente com o seu público no envoltório da identidade visual. 

3. Escolha cores e formas estratégicas

Como dito anteriormente, esses elementos devem ser combinados de forma coerente para facilitarem a construção da logo e de toda a identidade visual da sua marca.

Para te ajudar, apresentamos as principais cores e formas geométricas utilizadas nas identidades visuais e definimos as sensações que elas transmitem. 

  • Preto:  elegância, sofisticação, credibilidade, proteção e inteligência;
  • Branco: pureza, leveza, limpeza e paz;
  • Verde: prosperidade, saúde, recomeços, natureza e esperança;
  • Amarelo: otimismo, fidelidade, inspiração, infância, calor e fome;
  • Vermelho: intensidade, sedução, ansiedade, paixão;
  • Azul: serenidade, compaixão, frio, poder e imaginação;
  • Rosa: ternura, amor, doçura e sedução;

Por outro lado, eis alguns exemplos do que as principais formas geométricas transmitem:

  • Círculo: são totalmente fechados e dão a sensação de que “se bastam”. Transmitem ideias de união, estabilidade e constância.
  • Quadrado e retângulo: passam a sensação de firmeza e estabilidade. O quadrado, por ter todos os lados simétricos, transmite segurança e a ideia de que é imutável.
  • Triângulo: a ponta voltada para cima aponta para um objetivo, e as subidas e descidas nas laterais transmitem a ideia de movimento. 

4. Escolha a tipografia estratégica

Abaixo listamos os cinco tipos de fontes mais utilizados nos negócios digitais e offline:

  • Script: são fontes cursivas e delicadas, que transmitem elegância e formalidade, como a Script MT Bold. 
  • Manuscrita: são letras feitas à mão que transmitem leveza, informalidade e criatividade, como a Bradley Hand ITC.
  • Serif (com serifa): são tipografias mais formais, que transmitem sensações de confiança e prestígio, tais como a Times New Roman. 
  • Sans serif (sem serifa): são tipografias muito utilizadas no meio digital, porque são clean, tais como a fonte Arial. Transmitem informalidade e modernidade.
  • Slab serif: esta tipografia possui serifs espessos e em blocos. Um bom exemplo é a fonte Courier, que passa a sensação de força e robustez.

Analise bem as vantagens e os diferenciais do seu infoproduto para escolher as fontes que melhor transmitem essas ideias.

5. Confie este trabalho a um bom designer 

Sabe aquela história de confiar a logomarca do seu negócio ao sobrinho de alguém que trabalha na sua empresa? 

É melhor ter cuidado com essa escolha – a não ser que esse tal sobrinho seja um profissional da área, é claro!

Isso porque, a identidade visual profissional deve ser construída por meio de um processo cuidadoso entre um designer e o dono do negócio. 

Além disso, podem ser necessárias várias reuniões de brainstormings, alteração de materiais, algumas noites de insônia… Mas no final das contas vai valer a pena!

Afinal, a criação de uma identidade visual completa vai te poupar muito tempo e desgaste quando for criar e-books, landing pages, blogs e muito mais.

O que achou das nossas dicas? Se quiser descobrir outras estratégias de marketing digital para ver a sua marca crescer, continue acompanhando o nosso blog.

E se você quer conhecer mais termos e expressões do mundo digital e da venda de infoprodutos, baixe agora o nosso Glossário do Marketing Digital. É gratuito!

Imagem de oferta Mentoria Impulso Digital.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *