Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade!

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


Lançamento Interno: Como fazer na prática

Lançamento Interno

Existe uma grande possibilidade de ter um faturamento alto com um Lançamento Interno, que são os famosos 6 em 7, 7 em 7, entre outros. É a opção ideal para quem já tem uma audiência formada e um produto validado pelo Lançamento Semente.

 

O Lançamento Interno possibilita a preparação do infoprodutor para futuros projetos mais complexos. Então, é ótimo para validar uma ideia que depois pode ser vendida para pessoas que ainda não fazem parte da sua base de leads

 

Por isso, neste artigo, explicaremos o que é o Lançamento Interno e daremos dicas para que a sua abertura de carrinho seja um sucesso. Quer saber mais? Acompanhe a leitura.

 

O que é o Lançamento Interno?

 

O Lançamento Interno é o clássico da “Fórmula de Lançamento”, difundida no Brasil por Érico Rocha. Como o próprio nome fala, consiste em vender pela internet para uma audiência que já existe. Ou seja, para as pessoas que já conhecem o seu conteúdo.

 

É essencial que o infoprodutor já conheça as dores e os objetivos da sua persona. Dessa forma, os conteúdos do Lançamento Interno conseguirão atingir o público de forma certeira e ele sentirá a necessidade em adquirir o produto quando for feita a abertura do carrinho. 

 

Essa estratégia utiliza vídeos e e-mail marketing para levar o potencial cliente à jornada de compra. Por isso, o infoprodutor — ou alguém de sua equipe — precisa ter uma boa dicção e escrita para atrair e prender a atenção do público.

Como funciona o Lançamento Interno

 

Pré-pré lançamento

O Pré-pré lançamento (PPL) tem o objetivo de fazer com que as pessoas consumam os conteúdos gratuitos do infoprodutor e, com isso, aumentar a base de leads. Esse é o momento no qual as pessoas sequer sabem que vai ser lançado algum produto. 

 

Nesta primeira etapa, é recomendado utilizar diferentes tipos de conteúdos, desde os mais simples, como blog posts, para atrair visitantes, até materiais ricos. Estes últimos são aqueles mais aprofundados e que, no geral, o lead precisa deixar um contato para ter acesso, como os e-books.

 

É importante que essas publicações tenham qualidade suficiente para que as pessoas enxerguem que têm uma dor e que você pode ajudá-las a resolver. Então, conscientize a audiência e mostre o valor do seu conhecimento. 

 

Pré-lançamento

Depois do PPL, você já preparou o terreno e conseguiu uma boa quantidade de interessados em adquirir alguma solução vinda da sua marca. Então, o próximo passo é disparar uma sequência de 3 conteúdos (geralmente, vídeos) ao longo de 7 a 10 dias. Eles podem ser liberados, por exemplo, segunda, quarta e sexta. 

 

Para isso, é importante ter uma landing page atrativa. Além de visualmente bonita, precisa contar com componentes, como:

 

  • Chamada para o CPL (conteúdo de pré-lançamento);
  • Benefícios em assistir os CPL’s;
  • Descrição sobre o autor;
  • Depoimentos, se houver.

 

Lançamento (Abertura de carrinho)

 

Tudo o que foi feito até agora, tinha o objetivo de fazer a maior quantidade de leads qualificados chegarem até a compra do produto. Para isso, a página de vendas deve ter uma ótima carta de vendas que ressalte os benefícios do seu produto e faça com que os indecisos tomem uma decisão.

 

No entanto, a maior parte do trabalho já foi feito durante as fases anteriores. Aqui, você vai anunciar a abertura do carrinho, uma boa oferta e o prazo que vai ficar aberto – que deve ser, no máximo, 3 dias. Após a compra, o cliente deve ser direcionado para uma página de agradecimento.

 

Como fazer na prática

A HeroSpark desenvolveu uma ferramenta gratuita que vai facilitar cada etapa do Lançamento Interno, é o SparkFunnels. A plataforma tem a missão de auxiliar empreendedores a gerar leads e conseguir as suas primeiras vendas. Veja como utilizar:

 

  1. Acesse o site do SparkFunnels;
  2. Crie a sua conta;
  3. No canto superior, clique no botão “Novo Funil”;
  4. Escolha a opção “Fazer um lançamento” e clique em “começar funil”;
  5. Você será redirecionado para uma página que explica sobre o funil e as páginas do SparkFunnels. Nela, clique em “usar funil”;
  6. Escolha “Personalizar a sua experiência de venda”. Então você verá algumas opções que explicaremos de acordo com cada etapa, a seguir.

 

Comece a sua experiência

O primeiro passo é editar o nome do funil. Coloque o nome do seu produto, para organizar, e aperte em “”. Feito isso, clique em página de captura, que é a primeira landing page do lançamento, pois tem o intuito de captar leads para entrada no funil. 

 

Aperte em “editar a página” e comece a personalizá-la. A plataforma é intuitiva e fácil de mexer, o que permite criar um visual agradável para as suas landing pages. 

 

Depois, é hora de personalizar a página de agradecimento que serve para agradecer o lead pelo interesse e confirmar a entrega do conteúdo. Nessa fase, deixamos também algumas sugestões de e-mails, os quais você pode modificar e programar quando enviar para os leads.

 

O próximo passo é configurar o que chamamos de blog de lançamento ou página de CPL, que é onde vão ser colocados os CPLs, sejam ao vivo ou vídeos gravados. Nele, há alguns modelos de emails para disparar. Por fim, você vai configurar a página do vídeo de vendas.

 

Ao clicar em página de vendas, você também poderá editar a página modelo e visualizar os emails que disponibilizamos. O último passo é configurar a página de checkout.

 

Quando já estiver com tudo configurado, clique em “salvar e publicar” e depois, na parte superior na página de edição do funil, clique em “Seu funil está inativo”, para ativá-lo. 

 

Assista o nosso webinar e veja, na prática, como criar o seu modelo de funil de lançamento:

 

 

 

O Lançamento Interno é ideal para quem quer dar mais um passo como infoprodutor. Apesar de não ser tão fácil de realizar, será uma experiência memorável e, se feito corretamente, vai transformar muitos leads em clientes. 

 

Ter o apoio de boas ferramentas otimiza o processo e garante melhores resultados. Por isso, teste o SparkFunnels, agora mesmo.

Mais artigos para você

Mercado Digital: o que é e como funciona

A transformação digital não é somente realidade, mas uma necessidade. Você sabe o que é mercado digital? Se você ou …

O que é negócio escalável e 3 ideias

Negócio escalável, cada vez mais, prova que não é uma buzzword ou palavra da moda. A alta lucratividade, além de …

O que é oratória e 4 dicas para falar bem no seu curso online

Se você pretende criar cursos online, é necessário saber o que é oratória e como usá-la para desenvolver aulas mais …

O que é NFT: entenda como funciona este registro digital

Você sabe o que é NFT? Ele é um registro digital que transforma o seu bem digital em algo único. …

Bruno Perini: saiba quem é e conheça seus projetos

Curioso, focado, organizado e com um objetivo muito claro e bem definido. Essas características podem definir bem quem é Bruno …

Psicologia das cores no marketing: entenda o significado

O marketing de uma empresa abrange diversos detalhes que devem ser pensados para que ela se destaque em meio às …