Um blog sobre empreendedorismo, negócios digitais e cursos online


Não perca mais nenhuma novidade!

Assine nosso blog e ative as notificações para receber os melhores conteúdos sobre empreendedorismo


O que significa hashtag (#)

o que significa hashtag

Você sabe o que significa hashtag? Também conhecida como cerquilha, sua função é a de sinalizar que determinada publicação pertence a um tópico específico. É representada pelo símbolo “#”, conhecido como jogo da velha. Mas, universalmente, é chamado de hash.

 

Se, por acaso, você encontra uma publicação que aborda empreendedorismo digital no LinkedIn, provavelmente, também estará escrito ao final do post “#empreendedorismo” ou qualquer outro nome associado, como #negócios. 

 

Um dos principais benefícios do uso das hashtags é a possibilidade de reunir publicações em um só lugar. Se um visitante clicar diretamente em “#empreendedorismo”, quase sempre, terá acesso a todas as publicações deste tópico feitas pelo mesmo perfil.

 

E o que mais é importante é saber sobre hashtag? 

 

Neste artigo, você vai se aprofundar na definição dessas tags e saberá utilizá-las com estratégia.

Afinal, o que significa hashtag? 

Hashtags são como etiquetas dos conteúdos publicados na Internet. Mas, além de ajudar na organização, conferem maior possibilidade de tráfego às postagens. Toda hashtag é um hiperlink para uma página de publicações com as mesmas tags. Mas, para isso, a conta da rede social deverá ser pública.

 

Além disso, têm algumas características próprias, como:

 

  • A cerquilha estará sempre no início, à esquerda;
  • Não apresenta espaços entre as palavras, pontuações ou símbolos;
  • São curtas, ou seja, sem muitas palavras juntas em uma só hashtag;
  • Algumas podem estar censuradas, em certas redes sociais.

Quando usar as hashtags

Em regra geral, vale a pena usar hashtags para todas as publicações de redes sociais, inclusive em Stories — no caso do Instagram. Mas cada plataforma social tem algumas práticas específicas para usar as tags de forma inteligente. Acompanhe:

Instagram

O Instagram segue como rede social que mais tem brasileiros como usuários, com 70 milhões de pessoas, segundo último levantamento do Hootsuite. Logo, todo método de potencializar o tráfego das suas publicações é válido.

 

O uso da hashtag no feed ocorre com a inserção dela na legenda das fotos ou vídeos. É permitido o uso de até 30 por publicação, mas não é recomendado utilizar até esse limite pela experiência visual do usuário e risco de queda no engajamento.

 

Assim, normalmente se utiliza até 8, divididas aproximadamente em:

 

  • 2 hashtags de popularidade alta (mais de 600 mil publicações existentes);
  • 1 hashtag local (se aplicável);
  • 2 hashtags de popularidade intermediária (entre 100 e 600 mil);
  • 1 hashtag própria;
  • 2 hashtags de popularidade razoável (entre 10 mil e 100 mil utilizações).

Guia do planejamento do curso online

 

É importante utilizar pelo menos uma tag de cada categoria, porque as de alto volume geram curtidas rápidas, as de médio volume tendem a levar sua publicação para o feed das pessoas que seguem a hashtag e as de menor volume podem levar seu conteúdo para a seção de “mais relevantes”.

 

A hashtag da sua cidade pode, obviamente, atrair pessoas mais próximas, o que é ótimo para perfis de estabelecimentos físicos, e a tag própria ou original, a longo prazo, auxilia o seu perfil a ser encontrado pela barra de pesquisa. 

 

Se você tiver dificuldades de pensar em hashtags para a sua publicação, existem ferramentas online gratuitas que dispõem de inteligência artificial para sugerir tags relacionadas. É o caso do gerador de hashtags Ingramer, que permite a geração das sugestões a partir da própria imagem, palavra-chave ou endereço de um site. 

 

Por fim, saiba que nesta rede social existem hashtags banidas e que, se forem utilizadas, podem gerar shadowban, que é a redução do desempenho do seu perfil. A mais famosa é a “#sextou” porque nela está contida a palavra “sex”, que sugere uma temática proibida pelas Normas da Comunidade.  

Tiktok 

O Tiktok já vinha se tornando uma rede de popularidade explosiva entre 2019 e 2020, mas depois que o Instagram passou a priorizar os Reels para reagir a esse concorrente, o efeito não foi bem o esperado: os usuários continuaram produzindo no Tiktok para extraírem o material e publicarem no Insta.

 

Então, se você já produz diretamente no Tiktok, não custa nada embutir as hashtags para obter tráfego por lá também, não é mesmo? 

 

Primeiramente, saiba que as hashtags de alto volume do app chinês irão preferencialmente levar seu conteúdo a um público mais amplo, ao passo que, as hashtags de nicho tendem a atrair um grupo de usuários mais específico, com maior chance de engajamento e, portanto, de avançar no funil de vendas

 

Por isso, é aconselhável iniciar com hashtags nichadas para crescer e, posteriormente, utilizar as mais populares.

 

Além disso, o Tiktok é o app dos challenges, aqueles desafios virais que você provavelmente já encontrou pelo Instagram também. Assim, criar um desafio autoral e atribuir uma hashtag pode dar certo, não custa tentar.

 

Em relação ao número de tags, não se conhece um limite específico, apenas a restrição de 100 caracteres para a legenda. Logo, utilize o máximo de hashtags que puder nesse espaço. Caso queira acrescentar legendas nos comentários, é possível, mas não tão eficaz quanto na legenda.  

LinkedIn

Para você que é do segmento B2B, não é novidade que ter presença forte no LinkedIn é imprescindível. O uso de hashtags pela rede social de negócios é mais recente, desde 2018, mas carrega relevância.

 

A rede permite o uso de hashtags no título ou resumo do seu perfil, mas a desvantagem de seguir essa dica é que a tag pode capturar o visitante, desviando a atenção da sua página para a tag.

 

Para o feed, busque utilizar 3 a 5 hashtags por post. Como esse número é mais limitado que no Instagram, não há tantas regras, mas procure incluir uma tag de localização e uma própria.

 

Além de etiqueta em uma plataforma social, usar uma hashtag significa conseguir tráfego com estratégia e que se traduz em mais resultados para o seu negócio. Fique atento às redes sociais mais populares, como Instagram, Tiktok e LinkedIn e invista nas tags!

 

Gostou da dica? Então continue aprendendo a aumentar o engajamento em redes sociais como o Instagram, e veja também como o copywriting ajuda a gerar mais envolvimento com o público:

 

Mais artigos para você

Mercado Digital: o que é e como funciona

A transformação digital não é somente realidade, mas uma necessidade. Você sabe o que é mercado digital? Se você ou …

O que é negócio escalável e 3 ideias

Negócio escalável, cada vez mais, prova que não é uma buzzword ou palavra da moda. A alta lucratividade, além de …

O que é oratória e 4 dicas para falar bem no seu curso online

Se você pretende criar cursos online, é necessário saber o que é oratória e como usá-la para desenvolver aulas mais …

O que é NFT: entenda como funciona este registro digital

Você sabe o que é NFT? Ele é um registro digital que transforma o seu bem digital em algo único. …

Bruno Perini: saiba quem é e conheça seus projetos

Curioso, focado, organizado e com um objetivo muito claro e bem definido. Essas características podem definir bem quem é Bruno …

Psicologia das cores no marketing: entenda o significado

O marketing de uma empresa abrange diversos detalhes que devem ser pensados para que ela se destaque em meio às …