Sendo um dos formatos mais consumidos pelos usuários da internet, os vídeos são uma grande oportunidade para quem deseja transformar esse engajamento em vendas online. 

No entanto, é importante passar autoridade no seu conteúdo, seja na divulgação de um produto ou em uma videoaula, por exemplo. 

Felizmente, gravar com qualidade é mais fácil do que você pode imaginar, e nem sempre exige grandes investimentos.

Por isso, neste artigo, você vai conhecer 8 dicas para gravar vídeos profissionais e melhorar a sua produção de conteúdo. Vamos lá?

1. Defina um objetivo 

O primeiro passo é entender qual é o seu propósito com o vídeo. É fundamental que ele seja claro e mensurável, para que você avalie se a estratégia deu certo ou não. 

Assim, você pode definir o conteúdo dos seus vídeos de acordo com seus objetivos, como:

  • Comercial: promover seu produto e os benefícios ao comprá-lo;
  • Autoridade: reforçar seu conhecimento no seu nicho de atuação;
  • Informativo: informar sobre determinado assunto relevante para a sua área;
  • Prova social: compartilhar feedbacks positivos e cases de sucessos de clientes;
  • Entre outros objetivos que possam fazer sentido para o formato e a sua estratégia. 

O importante é que você possa acompanhar a sua performance a partir de métricas claras. Assim, será possível entender o que foi destaque no material, os pontos altos e baixos do vídeo e se, de fato, ele atendeu ao objetivo que foi proposto.

 

2. Escolha o tema

Agora que você já tem clareza do objetivo, defina o tema do seu vídeo. Para que ele seja assistido, é fundamental que seja relacionado a alguma dor da sua persona

Assim, se o seu objetivo é promover seu produto, você pode pensar em opções como:

  • Dicas para melhor aproveitar o seu produto;
  • Benefícios de usá-lo;
  • Seu diferencial para solucionar o problema do cliente;
  • Entre outras formas de abordagem. 

Uma das dicas para gravar vídeos é aproveitar ferramentas que ajudam a pesquisar assuntos de interesse, otimizadas para mecanismos de busca, como o Google Keyword Planner, por exemplo.

 

3. Escreva um roteiro

Um bom vídeo começa por um bom roteiro. Por isso, faça um roteiro estruturado, com todo conteúdo relevante a ser abordado no material. 

Mas escreva apenas as informações necessárias, para não deixar o vídeo muito longo e prejudicar a experiência do usuário, como:

  • Itens que não podem faltar;
  • Palavras-chave relevantes para o tema;
  • Frases de ligação para conectar um tópico ao outro;
  • Ordem e duração dos tópicos; 
  • Referências;
  • E o que mais for pertinente para garantir que o conteúdo do seu vídeo responda à pergunta da sua audiência. 

O roteiro serve para guiar o seu vídeo e evitar que você se perca entre um assunto e outro. Ou deixe de abordar aquele tópico tão importante porque esqueceu.

 

 

4. Prepare o cenário

Não precisa ter um cenário de novela para gravar o vídeo. Se você tiver uma estante com livros ou artigos decorativos, pode aproveitá-la para personalizar o seu ambiente, mas isso não é obrigatório. Uma parede branca já é o suficiente para uma gravação de qualidade. 

Imagem ofertando o e-book gratuito de funis americanos

Para quem produz conteúdo para cursos online e utiliza quadros, por exemplo, uma das dicas para gravar vídeos é apoiar a câmera em uma distância suficiente para a leitura do que está na parede.

 

5. Cuidado com a iluminação

A iluminação é muito importante no aspecto do vídeo, principalmente no que diz respeito ao profissionalismo do material.

Assim, dê preferência à luz natural para gravar seus materiais, uma vez que ela deixa o vídeo com um aspecto melhor.

Mas se não for possível gravar em momentos em que a luz é mais favorável, utilize luzes brancas para evitar contrastes de cores.

Se puder, aposte em um ring light para melhorar a iluminação.

 

6. Esteja atento à qualidade do áudio 

Apesar de não precisar de equipamentos robustos e profissionais, é preciso ter alguns cuidados com o áudio do seu vídeo. Se você for gravar pelo celular, por exemplo, certifique-se de que ele esteja próximo o suficiente para captar sua voz.

Também fique atento aos ruídos externos. Uma das dicas para gravar vídeos sem interferência é preferir horários mais tranquilos. 

Isso pode evitar que barulhos da rua atrapalhem a qualidade da sua gravação e o bom andamento do seu vídeo, uma vez que pode atrapalhar o fluxo do seu raciocínio.

 

7. Escolha o melhor ângulo 

Agora que você escolheu o melhor lugar, é hora de encontrar o melhor ângulo para o seu vídeo. Dependendo do que você vai apresentar, ter um pouco mais de espaço pode ser interessante.

Em videoaulas, por exemplo, alguns professores preferem fazer anotações em um quadro durante o curso.

Desse modo, certifique-se de que o ângulo escolhido permite a leitura do que está sendo escrito. Além disso, prefira materiais com mais contraste para escrever.

 

8. Faça uma checklist 

Luz, câmera e… ação? Ainda não! Falta pouco para você começar a transformar seu ambiente em um cenário de gravação. 

Uma das dicas para gravar vídeos mais valiosas é fazer uma checklist, para garantir que o seu vídeo tem tudo que você precisa antes de começar a ser gravado, como:

  • Material para gravar: desde o tripé para colocar o celular até a decoração de cenário, confira se você tem tudo o que precisa para começar; 
  • Roteiro estruturado: um bom roteiro é determinante para o sucesso do seu vídeo. Portanto, não deixe de incluir na sua lista de coisas essenciais;
  • Participantes: você vai gravar sozinho ou terá apoio de terceiros? Inclua também quem fará parte da gravação.

Agora que você já sabe que não precisa de grandes investimentos para produzir um material profissional, que tal adaptar o seu ambiente de acordo com o seu orçamento? 

Sem necessidade de grandes produções, você pode ter um estúdio de gravação que caiba no seu bolso.

Quer saber como? Aprenda nesse kit E-book + MasterClass, que ensina como montar um estúdio de gravação de acordo com seu orçamento! Baixe-o gratuitamente!

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.