O Google possui ferramentas muito importantes para produtores digitais que desejam impulsionar suas campanhas no mercado digital, como o Analytics e o Ads. Mas você sabe o que é Google Ads, como funciona e por que usá-lo?

Saber como anunciar utilizando essa ferramenta ajuda a atrair mais tráfego, criando  oportunidades de negócio e colaborando com a expansão do público. Porém, o Google Ads também pode gerar muitas outras oportunidades para os infoprodutores. 

Portanto, neste artigo, você vai saber o que é Google Ads e como funciona essa poderosa ferramenta para o marketing digital. Confira!

O que é Google Ads?

Lançada em 2000, a plataforma de anúncios do Google chegou ao mercado para revolucionar o modo de fazer campanhas no digital.

Anteriormente conhecida como Google AdWords, essa ferramenta vem liderando o mercado de publicidade online desde o seu lançamento. Em um ano, a plataforma alcança uma receita de mais de U$130 milhões, quase o dobro do Facebook Ads, segundo o site Statista.

Assim, para entender de vez o que é Google Ads, é necessário lembrar daqueles links destacados nos resultados das pesquisas no Google. Eles não estão ali aleatoriamente. Na verdade, eles são parte de uma campanha de impulsionamento via Google Ads. 

Porém, além da exibição dos anúncios em formato de link direto para a página do anunciante, essa plataforma também permite o posicionamento das campanhas nos modelos de banners e vídeos exibidos em sites parceiros.

Vale dizer que um dos diferenciais dessa ferramenta é a qualificação dos leads por meio de um recurso de segmentação mais eficiente. 

Isso porque, quando uma busca é realizada no Google, o anúncio aparece relacionado ao produto ou serviço buscado com base no rastreio da palavra-chave definida no momento da criação da campanha.

E, mesmo sendo uma ferramenta de sucesso, o Google Ads segue otimizando suas funcionalidades. Confira abaixo algumas mudanças promovidas na ferramenta nos últimos anos:

  • Cor da etiqueta de anúncio mais semelhante ao dos resultados orgânicos;
  • Fim dos anúncios laterais nas páginas, que eram prejudicados durante acessos via dispositivos móveis;
  • Diminuição da quantidade de anúncios durante o resultado de uma busca;
  • Criação de uma extensão de preços durante buscas de produtos.

 

Mesmo entendendo o conceito, muitos infoprodutores ainda não sabem tudo sobre o Google Ads e como funciona a ferramenta, não é verdade?

Assim, saiba que, após a criação de uma campanha, sempre que uma pesquisa é realizada no Google, anúncios relacionados à busca são exibidos entre os resultados. Por exemplo: se a pesquisa for relacionada a preços de produtos, os valores também são exibidos. 

Além disso, criar uma campanha no Google Ads também proporciona alguns insights por meio de dados, como:

  • Frequência de anúncios;
  • Número de cliques;
  • Palavra-chave que acionou a pesquisa, etc.

Outra característica importante da ferramenta de anúncios do Google é permitir o controle do orçamento investido na campanha e o modelo de cobrança. É possível realizar cobranças no Google Ads se baseando por:

  • Custo por clique;
  • Visualizações;
  • Resultados.

Esses dados permitem que sua campanha seja otimizada e tenha resultados cada vez melhores, incluindo o melhor alcance geográfico. 

 

No entanto, não basta apenas configurar e pagar um valor mínimo para que os seus anúncios comecem a circular nas redes. 

Isso porque o Google Ads funciona como um sistema de leilão, o que significa que, para aparecer nos resultados mais buscados, é necessário que sua oferta apresente qualidade. 

Essa qualificação de anúncios segundo fatores de qualidade é chamada de Google Ad Rank. O Ad Rank é o resultado do Índice de Qualidade versus o Custo Máximo por Clique, que considera a relevância da campanha e a sua página de destino.

 

Quais são as principais configurações de campanha?

Antes de configurar um anúncio no Google Ads, é necessário entender alguns aspectos importantes, como:

  • Conhecer o público-alvo: para que o anúncio tenha o melhor resultado, é fundamental que você conheça o seu público-alvo, pois isso facilita o processo de qualificação e faz com que a campanha seja mais assertiva.
  • Estabelecer o objetivo alinhado à estratégia do negócio: seu anúncio deve estar alinhado ao planejamento estratégico do seu negócio, ou seja, corresponder às metas estabelecidas. Para cada novo objetivo, é necessária uma nova campanha.
  • Estipular o orçamento: as metas, o objetivo e o orçamento devem estar alinhados à realidade do seu negócio. O ideal é ir escalando o investimento gradualmente e realizar o acompanhamento para otimizações. 

Para criar anúncios, é necessário realizar uma campanha na plataforma do Google Ads. Entre as configurações gerais, estão:

  • Nome da campanha: é importante nomear cada campanha, pois isso facilita o acompanhamento dos resultados e ajuda na identificação e  gestão do orçamento.
  • Local: escolher o local torna a segmentação mais específica e otimiza os investimentos na campanha.
  • Idioma: o Google Ads também permite que o idioma do público seja especificado, otimizando ainda mais o alcance do anúncio.

Com esse escopo definido, chegou a hora de escolher a configuração de campanha ideal para o anúncio do seu infoproduto. Confira abaixo os tipos de configurações de campanhas do Google Ads.

 

1. Campanha de pesquisa

Utilizada para atrair tráfego, converter visitantes em leads e impulsionar vendas, a configuração de campanha de pesquisa do Google Ads funciona para alcançar visitantes que realizam pesquisas de produtos e serviços no motor de busca.

Sua configuração tem como base a definição de palavras-chave, a localização e o público-alvo. Portanto, é um modelo que permite um maior grau de segmentação dos leads.

 

2. Campanha de display

A configuração de campanha de display consiste na divulgação por meio de milhões de sites parceiros. Nesse modelo, é essencial o uso de elementos visuais para alavancar o engajamento.

As campanhas de display no Google Ads funcionam com peças gráficas de diversos formatos, incluindo anúncios responsivos que recebem maior número de interações.

São três os tipos de campanhas display:

  • Campanha padrão;
  • Campanha inteligente;
  • Campanha no Gmail.

Essas campanhas são ideias para reconhecimento da marca, consideração de vendas e remarketing. 

 

3. Campanha de vídeo

O formato de campanha de vídeo permite a exibição do anúncio no YouTube. A qualidade das imagens e a criatividade dos vídeos é muito importante para o resultado da campanha.

Esse tipo de anúncio tem um grande alcance e é ideal para gerar reconhecimento da marca. Inclusive, é possível utilizar vídeos diretamente da sua conta no YouTube, ajudando a atrair leads. 

 

4. Campanha do Shopping

Essa configuração de campanha do Google Ads é indicada para quem busca focar seu anúncio em vendas. Ele aparece na aba Shopping do Google com informações como:

  • Imagem;
  • Descrição rápida (nome);
  • Preço;
  • Parcelamento.

Essa campanha pode ser utilizada para promoção de produtos e serviços, e pode ser promovida por lojas físicas e e-commerces. 

A principal vantagem de anunciar nesse formato é que a cobrança só ocorre quando são realizados cliques na campanha e os leads estão mais qualificados. 

 

5. Campanha para apps

A campanha para aplicativos do Google Ads é ideal para promover aplicativos e gerar downloads e instalações. Essa funcionalidade impulsiona campanhas não apenas na plataforma de busca, mas também no Google Play e outras redes parceiras. 

Nesse formato são utilizadas imagens, ideias de publicação e texto para definir o melhor lance. Esse compilado de informações possibilita a otimização automática da campanha. 

 

6. Campanha local

Uma campanha local é excelente para a estratégia de produtos digitais, pois entrega informações que ajudam a impulsionar o tráfego para páginas de vendas, por exemplo.

Os anúncios configurados nesse tipo de campanha de Google Ads podem ser exibidos em canais como:

  • Google;
  • Google Maps;
  • YouTube;
  • Display.

Essa diversidade de canais possibilita o fortalecimento de uma estratégia de marketing digital multicanal.  

 

7. Campanha inteligente

Os anúncios inteligentes automatizam a campanha criada no Google Ads. Para isso, eles utilizam elementos criativos e com base nas informações dadas durante a criação do anúncio. Assim, o Google permite uma segmentação otimizada.

Elas destacam os benefícios do seu infoproduto e atraem mais clientes em potencial. Entre as vantagens de escolher essa configuração, podemos destacar:

  • Atrair mais leads;
  • Facilitar a criação de anúncios;
  • Otimizar de forma automática os anúncios;
  • Permitir o gerenciamento contínuo da campanha.

 

 

Por que usar o Google Ads? 

Entender o que é Google Ads e como funciona é também saber os benefícios que essa ferramenta oferece para o sucesso do seu infoproduto. 

Nesse sentido, ela permite que você alavanque seus resultados no digital, alcançando muito mais usuários. Mas, além disso, essa estratégia oferece outras vantagens. Confira abaixo algumas delas. 

 

Segmentação das campanhas

A segmentação dos anúncios permite a personalização das campanhas, especificando interesses, localização geográfica e até os dias e horários que a campanha pode alcançar melhores resultados. 

Imagem de oferta Imersão Foguete Digital

 

Controle do orçamento

O Google Ads funciona em um formato que não permite surpresas com o seu orçamento. Isso significa que você pode controlar o seu investimento por anúncio e escolher como realizar o pagamento da campanha. 

 

Avaliação dos resultados

O Ads permite o acompanhamento dos resultados e avalia como a campanha está se comportando. Isso ajuda na realização de otimizações e também gera insights para campanhas futuras. 

 

Gerenciamento dos anúncios

Com a ferramenta Google Ads, você pode monitorar as campanhas com facilidade, refazendo anúncios, realizando alterações pontuais e tudo isso com rapidez e praticidade. 

 

Como criar uma conta e anunciar no Google Ads?

São necessários poucos passos para criar uma conta no Google Ads e construir um anúncio na plataforma, especialmente se você já utilizar uma conta do Gmail. 

Confira a seguir um passo a passo e veja como é simples impulsionar sua campanha por meio dessa ferramenta.

 

Crie uma conta 

1. Para começar a criação da sua conta, acesse a plataforma do Google Ads e, em seguida, clique no botão “Começar agora”.

 

Print de tela ensinando como criar conta no Google Ads

 

2. Faça o login com sua conta do Gmail para continuar a criação do seu cadastro no Google Ads.

 

Print de tela ensinando como criar conta no Google Ads

 

3. O próximo passo é preencher os dados pedidos na janela seguinte ao login. Eles são referentes à configuração da sua conta de anúncio. Portanto, você deve definir qual a principal meta da sua publicidade.

 

Print de tela ensinando como criar conta no Google Ads

 

4. Agora inclua o tipo da conta, especificando se ela é comercial ou individual. São necessárias algumas informações, como nome do negócio e endereço. Além disso, você também incluirá a forma de pagamento e o modelo de cobrança.

 

Print de tela ensinando como criar conta no Google Ads

 

Configure sua campanha

1. Defina os temas de palavras-chave que vão corresponder aos seus anúncios quando uma busca ocorrer.

 

Print de tela ensinando como criar campanha no Google Ads

 

2. Defina também a localização geográfica que o seu anúncio deve abranger. 

 

Print de tela ensinando como criar campanha no Google Ads

 

3. Selecione uma opção de orçamento ou personalize o seu orçamento de acordo com seu objetivo.

 

Print de tela ensinando como criar campanha no Google Ads

 

4. Revise as informações da sua campanha e verifique se está tudo de acordo.

 

Print de tela ensinando como criar campanha no Google Ads

 

5. Agora é só confirmar as informações de pagamento e pronto! Sua campanha foi criada com sucesso.

 

Print de tela ensinando como criar campanha no Google Ads

 

Como as posições dos anúncios são definidas?

A posição de anúncio no Google Ads é definida pelo sistema de leilão, como já citamos anteriormente. É esse processo que determina o ranqueamento do seu anúncio e a ordem de exibição nos resultados de busca.

Mas como também já citamos, esse leilão não envolve apenas o lance estipulado em seu orçamento, mas fatores de qualidade que tornam uma campanha mais valiosa do que as outras.

Na prática, quando uma busca é realizada no Google, o que acontece é o seguinte:

  1. O Google buscas automaticamente anúncios com a palavra-chave correspondente à busca.
  2. A partir daí, o sistema elimina os anúncios menos qualificados ou os que não estavam segmentados para aquela localidade.
  3. Depois disso, os melhores anúncios entre os que restaram dessa triagem são exibidos. Lembrando que para ser escolhido é considerada a relação entre lance (parte do orçamento definida para campanha) e o Índice de Qualidade do anúncio. 

Mas não para por aí! A classificação de um anúncio também é recalculada sempre que ele está qualificado. Essa posição pode variar, considerando a concorrência e o contexto da pesquisa no exato momento em que ela é realizada. 

Além disso, também é considerado fatores como:

  • Relevância;
  • Taxa de cliques;
  • Destaque das extensões;
  • Formato da página de resultados de pesquisa.

 

Como otimizar os seus anúncios?

Investir na otimização de uma campanha é uma ótima estratégia para garantir melhores resultados e qualificar ainda mais o seu público-alvo. 

E para garantir que seus anúncios alcancem resultados esperados, confira abaixo algumas dicas de como otimizar anúncios no Google Ads.

  • Otimize as palavras-chave atualizadas na sua campanha. Para isso, realize o monitoramento por meio do Planejador de Palavras-chave do Google.
  • Mantenha um acompanhamento constante dos resultados de sua campanha. Verifique os indicadores e otimize o anúncio de acordo com os resultados. 
  • Utilize uma landing page na sua estratégia de conversão e potencialize a sua campanha.

Agora que você já sabe o que é Google Ads, como funciona e que, além de investir na criação de campanhas impulsionadas, é necessário saber utilizar os elementos certos para conversão, nós resolvemos lhe dar um impulso extra.

Conheça o nosso material exclusivo com 42 modelos de anúncios que convertem. Baixe agora o e-book gratuitamente e descubra os segredos dos anúncios que geram resultados de verdade.

Imagem de oferta Imersão Foguete Digital

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.