Como criar um site em 2022: passo a passo + plataformas [GUIA]

Pessoa aprendendo como criar um site.

Hoje em dia, é fundamental marcar presença digital e saber como criar um site para garantir seu negócio na internet, não é mesmo?

Inclusive, existem diversas ferramentas para criar sites e landing pages para que a sua empresa se insira de vez no mercado online gratuitamente!

Por isso, no post de hoje, separamos um passo a passo completo para você saber como criar um site de graça na internet e descobrir os prós e contras do site e da página de vendas. Vem conferir!

Como criar um site: passo a passo completo

É comum ficar em dúvida sobre como criar um site. Por isso mesmo, criamos um passo a passo para te ajudar nessa etapa necessária. Confira-o abaixo:

1. Defina o objetivo 

Antes de tudo, é necessário saber por qual motivo você deseja criar um site. Ter esse objetivo claro é fundamental para toda sua estratégia. 

Por exemplo, o processo de criação do seu site será de uma forma caso sua intenção seja criar conteúdos informativos e colocar em prática algumas técnicas de marketing de conteúdo. 

Por outro lado, se o seu objetivo for criar um e-commerce ou um site de vendas, a estratégia de criação será outra. Tudo vai depender do seu objetivo! 

Portanto, estabeleça o objetivo do site. Assim, é possível elaborar uma estratégia inteligente e eficaz para esse canal de comunicação. 

2. Registre o domínio

O domínio de um site, em uma analogia simples, é como um endereço de localização. Por exemplo: o site é a sua casa e o endereço é o que direciona o visitante até ela. 

Por meio do domínio, seu site é localizado e acessado por qualquer visitante na internet. 

Ele é formado pela designação escolhida por você e contém: nome do domínio e categoria. Confira o exemplo:

Vale dizer que, algumas vezes, pode acontecer de você encontrar domínios com: “.com.br”. Isso significa  que é um site voltado apenas para o Brasil. 

A ideia aqui é registrar o domínio com o nome da sua empresa ou marca. Perceba no exemplo anterior que “HeroSpark” é o nome da empresa e também é o endereço de domínio do site. Desta forma, fica mais simples de o visitante achar a sua página!

Para isso, você pode contar com empresas como a GoDaddy, UOL Host e RegistroBR, e apostar no servidor que possibilitará a escolha do seu domínio. 

3. Contrate um serviço de hospedagem 

Contar com um serviço de hospedagem é parte fundamental da criação de um site. Afinal, ele possibilita que tanto pessoas quanto empresas utilizem esse espaço para armazenar os conteúdos da página.

Em outras palavras, ao criar um site, é preciso contratar também um servidor de hospedagem. Assim, o conteúdo fica salvo lá e as pessoas podem acessar a qualquer momento que quiserem.

É importante dizer que esse tipo de serviço é um requisito essencial na hora de colocar o seu site no ar. Por isso, a ideia é pesquisar primeiro e depois escolher o serviço que mais condiz com a criação do seu site.

4. Escolha a plataforma

A dúvida pode surgir na hora de escolher uma plataforma. Inclusive, é natural que as pessoas procurem conteúdos na internet sobre como criar um site ou como escolher a plataforma ideal. 

Nesse sentido, caso sua intenção seja criar uma loja virtual, é possível utilizar uma plataforma específica para e-commerce, como a Magento. 

Mas caso você seja um empreendedor digital e venda serviços ou produtos específicos, o recomendado é criar uma página de vendas.

Assim, saiba que existem ferramentas completas que possibilitam criar landing pages grátis de forma totalmente intuitiva e fácil, como é o caso da HeroSpark.

5. Defina o layout

O foco agora é no layout. Afinal, não adianta nada saber como criar um site de graça, mas não pensar em um design atrativo e que favoreça a experiência do usuário.

A ideia nesse caso é escolher um layout responsivo. O que seria isso? É aquele template que se adapta à tela de navegador do usuário, seja pelo celular ou pelo desktop.

Por exemplo: vamos supor que você abriu um site pelo desktop e depois o abriu pelo celular e percebeu que o texto se adaptou perfeitamente a uma tela menor. Isso significa que esse layout é responsivo.

Quanto custa a criação de um site?

O custo de criação de um site pode variar de acordo com diversos fatores, como:

  • Site institucional simples ou complexo;
  • Site com blog;
  • Loja virtual;
  • Landing page;
  • Entre outros.

Sabendo disso, podemos dizer que o custo de criação de um site para pequenas ou médias empresas pode variar de R$2.500 até R$15.000. Esse valor é estimado com base nos custos com design e até mesmo com a criação profissional desse site.

Outro ponto relevante que aumenta esse valor é a manutenção. Só esse fato pode acrescentar de R$100 a R$ 400 no orçamento. Valores bastante consideráveis, não é mesmo?

Para sites com uma ótima experiência do usuário, o valor de criação também costuma ser um pouco mais elevado. Porém, isso é algo que não pode ser deixado de lado, afinal, sites que focam no UX têm mais chances de ranquear bem nos mecanismos de busca (SEO).

Como criar um site de graça: 5 plataformas para usar

Se você quer saber como criar um site de graça, então chegou a hora. Separamos algumas opções de plataformas que possibilitam a criação do seu site de forma simples e acessível. 

Confira!

Imagem de oferta Mentoria Impulso Digital.

1. WordPress

Começando com a mais conhecida de todas: WordPress. Essa plataforma possibilita a criação de sites de forma gratuita (WordPress.com) ou paga (WordPress.org). Mas aqui vamos nos adentrar apenas na versão grátis!

Antes de criar seu site, é preciso acessar www.wordpress.com e, na página que abrir, clicar no botão “Criar Site”. Ao clicar nele, já será possível começar a criar o seu site de forma totalmente gratuita. 

Depois de criar, é só escolher um tema/layout adequado para o seu tipo de negócio e começar a usar. Contudo, o único ponto negativo é que o seu site não terá domínio, mas apenas um subdomínio. 

2. Webnode

No Webnode, o processo de decisão já começa desde a criação do site. Assim que o usuário o acessa para se cadastrar, já precisa escolher qual será o nome da sua página. 

Portanto, se você ainda está em dúvida a respeito do nome mais adequado, o indicado é que, antes de criar, você já tenha entrado em um consenso a respeito desse aspecto.

Após ter definido essa etapa, você pode escolher se quer criar um site pessoal ou profissional, blog ou loja online. A plataforma garante a criação de sites responsivos e otimizados para todos os tipos de dispositivos.

Além disso, você pode escolher o design que mais gostou, customizar como desejar e, depois, é só começar a publicar.

3. Weebly

Essa é mais uma das opções para aqueles que buscam como criar um site de forma prática. O Weebly, é uma plataforma interessante para qualquer pessoa que deseja criar uma página para sua empresa gratuitamente.

É uma plataforma que dispõe de um plano gratuito de até 500 MB de armazenamento e permite que o usuário coloque no ar a sua página em um curto espaço de tempo. Ótimo para quem está querendo criar um site o quanto antes.

Assim como o Webnode, o Weebly possibilita que o usuário escolha qual tipo de site deseja criar, mas, nesse caso, são apenas duas opções: site ou loja virtual. Depois ele deixa o criador escolher qual o tema do site, que pode ser desde negócios a um blog.

O maior ponto negativo da plataforma é que, assim como as demais que são gratuitas, você não terá acesso a um domínio, mas sim a um subdomínio. Ou seja, seu site será: “nomedoseunegocio.weebly.com”

4. Wix

O Wix é uma das plataformas mais procuradas quando o quesito é como criar um site, pois é bastante completa para o que se propõe.

É um tipo de plataforma que atrai o público justamente por dispor de uma grande variedade de modelos já prontos para nichos como: negócios, saúde e até mesmo fotografia. 

O bom é que, para quem visa criar um site de graça sem auxílio de profissionais, a plataforma oferece essa facilidade. Ou seja, não é necessário saber sobre programação e nem ser um designer experiente.

O próprio Wix te oferece o passo a passo e é só você seguir na hora de criar o seu site. Interessante, não é mesmo?

5. Google Sites

Se você ainda não sabia que o Google dispunha de uma ferramenta de criação de sites, agora está sabendo. O melhor de tudo é que se você já utiliza algum dos outros serviços deles, então não precisa nem fazer um novo cadastro.

Caso você esteja logado, basta acessar o “http://sites.google.com/”. Lá, você se deparará automaticamente com diversos modelos para criar a sua página. 

O Google organiza tudo por categoria. Nele, você encontra modelos ideais para pequenas empresas, empreendedores autônomos e até mesmo salão de beleza. Após realizar sua escolha, o editor será aberto para customização da página como achar mais adequado. 

Os modelos são simples e mais básicos do que os demais exemplos apresentados anteriormente, mas funciona muito bem para quem deseja criar um site grátis de forma rápida e prática.

Site ou landing page: qual possui melhor custo-benefício? 

Assim como foi citado anteriormente, é interessante ter um objetivo específico antes de saber como criar um site. Justamente porque o processo de criação de um site difere de uma landing page, até mesmo a estrutura é diferente.

Nesse sentido, a landing page ou página de vendas consiste em uma única página com a apresentação de um produto ou serviço. Ou seja, ela não contém abas como os sites e, por isso mesmo, propõe um objetivo mais direcionado. 

O site, por conseguinte, é uma página cujo objetivo é informar, demonstrar os produtos do negócio e traçar uma comunicação mais efetiva com o usuário. 

Site

O site tem uma proposta mais informativa com menus e serviços da empresa, como:

  • Produtos;
  • Serviços;
  • Cases de sucesso;
  • Blog institucional;
  • Área de contato;
  • Entre outros.

Prós: faz a apresentação do seu negócio para o mundo digital e, por meio dele, é possível aparecer nos mecanismos de busca. 

Contras: como foi mostrado anteriormente, apresenta um custo mais alto, tanto de criação quanto de manutenção.

Landing Page

Já a landing page tem a função de apresentar uma oferta interessante, irresistível e de valor para o usuário, como:

  • E-books;
  • Newsletter;
  • Cursos online;
  • Convites para webinar e lives;
  • Entre outros.

Prós: é uma página única para empreendedores ou empresas que possuem foco na conversão de leads, oferece uma oferta de valor e ajuda a aumentar a cartela de clientes do negócio.

Contras: não dispõe de diversos menus como o site, até porque esse não é o seu objetivo.

Agora que você descobriu que a landing page se adequa melhor para o seu negócio, que tal aproveitar para conhecer a HeroSpark e criar a sua página de vendas gratuitamente?

Não perca mais tempo e faça o seu cadastro hoje mesmo!

Banner escola de psicanálise
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.