Gestor de tráfego: o que faz e como se tornar um

Gestor de Tráfego
Gestor de Tráfego

A profissão de gestor de tráfego é uma das mais promissoras do mercado digital. Isso porque, atualmente, todos os negócios precisam estar na internet e serem encontrados.

O tráfego realiza justamente essa parte: faz o seu negócio ser encontrado pelas pessoas certas, já que atingirá as melhores posições nas pesquisas e nas mídias sociais.

O gestor de tráfego pode trabalhar de forma fixa ou independente, com negócios locais, on-lines ou até mesmo em lançamentos digitais, e participar de todo o planejamento, criação e otimização de campanhas. 

Vale dizer que os ganhos vão depender do tamanho do projeto e até mesmo do lucro gerado para o negócio em questão.

Quer saber mais sobre essa profissão que só tende a crescer? Continue a leitura!

A HeroSpark tem uma ferramenta gratuita para você começar a estruturar as personas do seu negócio e definir melhor as suas estratégias de marketing. Inscreva-se gratuitamente, e comprove na prática.

O que faz o gestor de tráfego?

O gestor de tráfego tem a função de criar e gerenciar as estratégias relacionadas ao engajamento do público nas mídias pagas de uma empresa. Ou seja, é ele quem investe dinheiro para comprar cliques em mídias pagas como Google Ads e Facebook Ads.

Dessa forma, ao gerar tráfego de pessoas para um site ou rede social, as chances de aumento de conversão são elevadas, pois o profissional consegue atrair visitantes e fazer a gestão de tráfego em diversos canais.

Vale dizer que o tráfego pago é o investimento dentro da internet que mais causa retorno a curto prazo para um negócio.

Portanto, o especialista de tráfego precisa conhecer a audiência e entender quais são as melhores formas de atraí-la para consumir o conteúdo da empresa. 

Assim, entre as principais atividades de um gestor de tráfego, estão:

  • Criar contas em gerenciadores de anúncios para seus clientes;
  • Analisar o fluxo de visitas e como melhorá-lo;
  • Definir orçamentos para tráfego pago;
  • Distribuir a verba para todos os canais pensados na estratégia;
  • Planejar, criar e otimizar as campanhas nas mídias pagas;
  • Acompanhar as taxas de conversão;
  • Gerar leads qualificados;
  • Segmentar as campanhas;
  • Analisar o desempenho da campanha e elaborar relatórios.

Por ter a visão estratégica, o profissional tem o objetivo de, junto à equipe, estabelecer uma maior conexão com o público. Consequentemente, suas ações devem resultar no aumento das vendas da empresa.

Quanto ganha um gestor de tráfego?

A carreira do gestor de tráfego está em constante crescimento. Sendo assim, os ganhos são proporcionais à crescente demanda por esses profissionais no mercado. 

Como gestor de tráfego, o salário médio gira em torno de R$2.500,00, segundo o Glassdoor. Contudo, o próprio site localiza empresas que pagam mais de R$8.000,00 a esse profissional.  

Essas empresas podem ser desde agências de marketing digital que prestam serviços para outros negócios, como a própria empresa que quer investir em tráfego pago.

Desse modo, o gestor de tráfego tem um salário que gira em torno de R$2.000,00 no início da carreira. Ao passo que, com a experiência, esses ganhos podem alcançar até R$11.000,00 ou mais. Sem contar bonificações e outros atributos.

Além disso, existe a possibilidade de atuar de forma autônoma, precificar os próprios serviços e montar sua cartela de clientes. Com isso, ele pode ganhar ainda mais.

Para tornar-se um autônomo de sucesso, você precisa investir em estratégias de marketing, focando não apenas no tráfego pago, mas também no tráfego orgânico. Assim, as probabilidades de colher os melhores resultados aumentam.

Quanto cobrar por um serviço de gestão de tráfego?

Alocado nas empresas, o salário do gestor de tráfego já pode alcançar ótimos valores. No entanto, esses valores podem aumentar ainda mais como autônomo. 

Mas, antes de oferecer seus serviços, é preciso precificá-los de acordo com o mercado. 

Portanto, é essencial que você estude o valor cobrado por outros profissionais a fim de ter uma ideia de quanto as empresas estão pagando por este serviço.

Para ter uma ideia, a página Segredos Tráfego estipulou os seguintes preços por projeto: 

  • Iniciante: R$ 300,00 a R$ 1.500,00;
  • Intermediário: R$ 2.100,00 a R$ 5.000,00;
  • Profissional: R$ 5.000,00 a R$ 20.000,00;
  • Referência: + de R$ 20.000,00.

Porém, esses valores podem variar. Neste ponto, reside a importância de estudar o seu público, os seus gastos, investimentos e preços cobrados pelos profissionais atuantes.

Como ser um bom gestor de tráfego?

Conheça técnicas de copywriting

Saber o mínimo sobre copywriting pode ser um grande destaque para o bom gestor de tráfego. Afinal, dessa maneira, ele ajudará a campanha a se tornar mais persuasiva. 

Vale dizer que a criatividade anda de mãos dadas com a gestão de tráfego, pois é preciso sempre testar e implementar novas estratégias e ser ousado para trazer bons resultados.

Assim, com esses atributos, o gestor atuará na linha de frente destas estratégias.

Mantenha-se atualizado

É preciso ficar de olho nas ferramentas utilizadas para a gestão de tráfego, pois muitas delas passam por atualizações constantes. Dessa forma, o bom gestor estará sempre por dentro das novidades, fazendo testes e acompanhando as mudanças em algoritmos.

Além do mais, as estratégias também mudam. Por exemplo: as pessoas estão realizando mais pesquisas por voz do que antes. Então, é preciso pensar em palavras-chave que se adaptem a essa nova realidade.

Saiba analisar dados

Um bom gestor de tráfego não pode basear-se em “achismos” para definir as suas ações. Ele deve saber lidar com a análise de dados, testes de performance e otimização do orçamento. 

Isso porque, ao ter um olhar crítico e analítico dos dados obtidos, ele pode ter insights diferentes e, assim, definir novas estratégias para alavancar os resultados. 

acelerador digital

Inclusive, essa é a base da atuação do profissional, já que o mesmo pode e deve opinar nas campanhas e dizer qual melhor caminho a ser tomado, com referência aos dados obtidos.

Vale dizer que esses dados incluem porcentagem de cliques, alcance, engajamento e número de impressões. 

Mas, além dessas métricas, o gestor de tráfego também precisa verificar sempre o custo por lead, para manter uma média baixa e não gastar todo o seu orçamento em campanhas que não deem resultados. 

Tudo isso estará disponível nas ferramentas de gestão de tráfego, nas quais é possível escolher períodos e informações diferentes para elaborar um relatório completo para o cliente e explicar cada tomada de decisão.

Invista em remarketing

Sabe quando você entra em um site e, logo depois, começa a aparecer banners daquela empresa em tudo o que você acessa? Isso é ação do remarketing. A intenção é justamente se manter na visão do usuário.

Assim, a pessoa não vai esquecer da marca e vai ser induzida, ainda que inconscientemente, a considerar a respeito de um produto ou serviço. Essa estratégia costuma ser muito eficaz, pois entrega o teu conteúdo a um público qualificado.

Aposte na produção de conteúdo

Imagine entrar em um site ou nas redes sociais de uma marca e encontrar sempre as mesmas publicações ou somente propaganda. A tendência é que você deixe de buscar pela empresa, uma vez que nunca encontra conteúdos relevantes.

Por outro lado, existem aquelas organizações que buscam solucionar as dúvidas das suas personas por meio da produção constante de novos conteúdos. Com isso, tendem a ser sempre lembradas.

O gestor de tráfego é a pessoa que ficará atenta à realização dessa estratégia junto aos demais profissionais de marketing da empresa.

Entenda sobre as ferramentas

O gestor de tráfego vai lidar com várias ferramentas no dia a dia. Desde aquelas ligadas ao monitoramento dos resultados até as que são utilizadas para impulsionar campanhas pagas. 

Algumas plataformas úteis para iniciar nessa profissão são:

  • Trello: para o gerenciamento das atividades;
  • Similar Web: para análise da concorrência e estudo de novas estratégias;
  • Google Ads: plataforma de anúncios;
  • Meta Ads: plataforma de anúncios do Facebook e Instagram;
  • TikTok Ads: plataforma de anúncios do TikTok.

Onde encontrar trabalhos como gestor de tráfego?

Se você se interessou por essa carreira e gostaria de saber onde encontrar um trabalho como gestor de tráfego, vamos dar algumas dicas a seguir. 

Linkedin

O Linkedin é a maior rede social profissional do mundo. Diariamente, são anunciadas inúmeras vagas e diversas empresas procuram a plataforma na hora de contratar. Por conta disso, ela é uma ótima opção para quem quer se tornar um gestor de tráfego. 

Para atrair a atenção do recrutador e das empresas que podem se interessar pelo seu serviço, mantenha o perfil sempre atualizado e procure postar textos compartilhando seus conhecimentos e expertise. 

Algumas dicas de conteúdo para trazer pessoas ao seu perfil, são:

  • Posts sobre Instagram Ads;
  • Posts sobre Facebook Ads;
  • Indicação de ferramentas de marketing digital e produtividade;
  • Divulgar atualizações dos sistemas de gestão de tráfego;
  • Mostrar seus resultados (com a permissão do cliente);
  • Contar sua história até chegar a profissão de gestor de tráfego pago.

Com essa publicação de conteúdo, você se destaca em meio a concorrência e gera tráfego orgânico para seu perfil.

Grupos do Facebook

Os grupos privados do Facebook são ótimos para aqueles que querem estabelecer conexões, fazer networking e conseguir trabalho ou freela. 

Além disso, esses grupos proporcionam uma intensa interação entre os participantes, pois, neles, é possível ter contato com profissionais que já atuam na área, agregando mais conhecimentos para a sua carreira.

Assim, para conseguir trabalho no Facebook, procure por grupos com uma boa quantidade de membros e com um bom engajamento. 

Nesse caso, pesquise grupos para gestores de tráfego e também relacionados ao marketing digital. Nos grupos de social media, por exemplo, você pode encontrar empresas e profissionais divulgando vagas ou freelas. 

Plataformas para freelancers 

Outra opção para conseguir trabalho como gestor de tráfego é nas plataformas para freelancers. Nelas, você consegue trabalhos pontuais, sendo uma ótima oportunidade para adquirir experiência e conhecimento.

Se você quiser ser selecionado para diversos projetos nessas plataformas, procure manter um perfil persuasivo e enviar propostas para vários projetos. 

Além do mais, sempre que terminar um serviço, solicite ao seu cliente que faça uma avaliação positiva na plataforma. Assim, as suas chances de conseguir mais projetos aumentam consideravelmente. 

Algumas das plataformas que você pode criar um perfil de gestor de tráfego são:

Perguntas Frequentes

É difícil ser gestor de tráfego?

Não, mas é preciso estudar e se manter atualizado, já que tudo na internet muda constantemente. Também é importante ser analítico e gostar de dados, pois eles são a base para realizar o serviço. 

Tudo isso pode ser aprendido por meio de cursos e, mais importante, no campo de batalha: trabalhando e gerando resultados aos clientes.

Qual curso fazer para tráfego pago?

Existem diversos cursos na internet para aprender a ser um gestor de tráfego, como os cursos do Pedro Sobral ou de plataformas EAD.

Além disso, é possível aprender com os diversos vídeos e artigos que explicam várias ferramentas e análises para ser um bom gestor.

Como vimos, se você quer se tornar um gestor de tráfego pago, fará parte de uma ótima oportunidade nesse mercado digital e dinâmico que vivenciamos. Portanto, esse é o momento ideal para começar e investir na carreira. 

Nesse sentido, se você quiser iniciar agora mesmo, saiba que é necessário ter um planejamento que te ajudará a alcançar todos os seus objetivos.

A HeroSpark tem uma ferramenta gratuita para você começar a estruturar as personas do seu negócio e, assim, definir melhor as suas estratégias de marketing. Por isso, confira já o nosso gerador de personas gratuito!

Imagem de oferta Mentoria Impulso Digital.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *