herospark comece grátis agora

Vender, criar uma audiência ou apenas ter o seu próprio posicionamento na Internet. Sabemos que não é fácil lidar com tudo isso. Por isso, a gestão de mídias sociais é tão necessária nos dias de hoje.

 

De nada adianta ter uma rede social atualizada se você, ou a pessoa que você contrata para cuidar dela, é um ‘fazedor de posts’. Toda mídia social precisa de uma sólida estratégia por trás.

 

Aprenda como fazer uma boa gestão de mídias sociais, a seguir.

 

Como funciona a gestão de mídias sociais

 

Primeiro, gestão de redes sociais ou de mídias sociais?

 

As mídias sociais abrangem as redes sociais. Ou seja, uma mídia social é uma tecnologia que possibilita o diálogo entre pessoas. Ela pode ser um blog, fórum e até chatbots.

 

Já as redes, como tipo de mídia social, envolvem necessariamente os relacionamentos entre os usuários. As pessoas compartilham fotos, mensagens privadas e outras estratégias que possibilitam uma conexão maior entre si.

 

O gerenciamento de mídias sociais envolve múltiplas habilidades, como capacidade analítica para estudar o que está funcionando na rede em específico, criatividade para se diferenciar, adaptação para lidar com diferentes usuários, entre outros.

 

Para isso, o gestor precisa conhecer as ferramentas adequadas, ter disciplina para produzir conteúdo de forma contínua e uma série de outras responsabilidades.

 

Então, se você é um empreendedor digital e já é responsável pelos seus clientes e/ou pela sua empresa, é natural delegar esse trabalho com as mídias para um gestor especializado — mais conhecido como social media.

 

O que faz um gerenciador de redes sociais

 

Delegar funções é totalmente normal, principalmente na fase de escala de um negócio. Mas, muitas vezes, é recomendado treinar ou verificar se o profissional está mesmo alinhado às suas expectativas. Conheça as principais funções de um gestor de mídias:

 

Define objetivos

 

Um social media ou gerenciador de redes sociais têm diversas atribuições e, provavelmente, ele vai começar questionando o objetivo do seu cliente com as mídias sociais, que pode ser, por exemplo:

 

  • Divulgar a marca;
  • Comunicar-se com os clientes;
  • Educar o mercado;
  • Alavancar as vendas;
  • Criar uma audiência.

 

Por mais que esses objetivos sejam parecidos ou relacionados, eles norteiam a estratégia que, por sua vez, impacta diretamente nos tipos de conteúdos que serão veiculados no canal.

 

Faz pesquisa de mercado e/ou entrevistas

 

Conhecendo o seu produto e empresa, o social media passa a pesquisar dados sobre os seus clientes, potenciais clientes e concorrentes.

 

Um negócio que está nas redes precisa abordar assuntos do interesse dos potenciais clientes. Mas para saber que temas são esses, é necessário investigar ativamente.

 

O social media também identifica a rede social em que esses leads estão — além do Instagram e Facebook, plataformas muito comuns a vários negócios.

 

Ainda nesse planejamento inicial, define-se a linguagem e tom de voz das publicações, a frequência de postagem (apesar de existir um número ideal, sempre deve-se adequar à realidade do cliente), entre outros.

 

Organiza a identidade visual do perfil

 

Antes de começar as postagens, um gestor também deve preparar o visual do perfil: escolher, junto com o seu cliente, as cores que aparecerão no feed, o estilo da foto do perfil e o que será escrito na biografia.

 

Também cria os destaques de acordo com o negócio. Por exemplo: se a marca presta serviços, destacar o Sobre, Feedbacks, Bastidores e outros. Mas se ela vende produtos, é recomendado ter: Promoções, Detalhes da compra etc.

 

Cria um mapa do conteúdo

 

Com essa quantidade de informações, além dos dados do avatar, o gerenciador já pode criar um mapa do conteúdo.

 

Normalmente é um documento, como uma planilha do Excel, ou app gerenciador de tarefas, como o Trello, em que estão discriminadas as linhas editoriais, as redes em que serão publicadas, o calendário editorial, pautas, direcionamentos para stories, agendamentos de lives e afins.

 

Muitas vezes, esse mesmo gestor faz ou se reúne com parceiros para entregar tudo o necessário: artes, textos, vídeos, nuggets e até anúncios.

 

O profissional que sabe fazer uma boa gestão de mídias sociais também publica nos melhores horários possíveis, interage com a audiência e identifica tendências ou oportunidades para ter um pico de crescimento com ajuda do marketing viral, tão popular nas redes sociais.

 

Veja estratégias infalíveis para criar bons conteúdos:

 

 

Analisa e monitora os resultados

 

Regularmente, o profissional da gestão de mídias sociais também analisa os insights, organiza em um relatório e apresenta para o cliente.

 

Sem dados, todo o trabalho é praticamente inútil. É importante dar atenção às conclusões dos relatórios para melhorar e afinar a estratégia cada vez mais.

 

Todo negócio digital precisa de gestão de mídias sociais. Até quem tem um público mais velho e acha que não se beneficiaria dessas mídias, pode investir em redes sociais como LinkedIn ou Facebook. A verdade é que todos têm algum objetivo, seja vender, comunicar-se ou divulgar um produto.

 

Este conteúdo ajudou você? Então nos acompanhe também nas redes sociais, siga nosso perfil no Instagram!

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *